Educação

UFRN aprova criação de curso superior em Administração Pública

A GRADUAÇÃO SERÁ REALIZADA NA MODALIDADE PRESENCIAL, NO TURNO NOTURNO. FOTO: UFRN VIRTUAL/REPRODUÇÃO

O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe) da UFRN aprovou na manhã desta terça-feira, 23 de fevereiro, a proposta de criação do curso superior de bacharelado em Administração Pública. A graduação será realizada na modalidade presencial, no turno noturno, e ficará vinculada ao Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA).

Com um total de 3 mil horas/aula, o curso terá uma formação básica em humanidades e conhecimento científico, além de formação profissional em funções gerenciais, planejamento governamental, finanças públicas, controle e inovação no setor público e nas relações Estado e sociedade civil. O tempo médio de integralização estipulado é de oito a 12 semestres, com oferta de 40 vagas para uma entrada anual via Sistema de Seleção Unificada (SiSU).

A relatora da proposta e pró-reitora adjunta de Graduação (Prograd), Elda Melo, explicou que a criação do curso “surge da necessidade de atender à formativa de profissionais para atuar na área de Administração Pública, principalmente em âmbito local-regional, a fim de que o Estado possa ter mais eficiência na sua atuação”. Nessa perspectiva, o objetivo é formar profissionais para lidar com as necessidades coletivas que nascem de demandas da sociedade e que encontram na ação do Estado a instância de mediação. Em relação ao quadro de pessoal, o curso contará com treze professores efetivos e com a colaboração de mais seis departamentos.


Comente aqui