Cultura

“Tributo aos Profissionais da Saúde” homenageia os heróis da vida real em concerto da Filarmônica UFRN, com participação especial de Roberta Sá

FOTO: REPRODUÇÃO

Respiro, reconhecimento e gratidão. Durante a pandemia da covid-19, os heróis da vida real travaram um duelo para enfrentar os males ocasionados pelo coronavírus. Ultrapassando limites físicos e psicológicos, se mantiveram firmes em prol do bem da sociedade. E, agora, chegou a vez de homenageá-los por meio da música! Nesta quarta-feira (15), às 20h, no Anfiteatro do Campus da UFRN, acontece o “Tributo aos Profissionais da Saúde”, com apresentação da Filarmônica UFRN e participação especial da cantora Roberta Sá. A entrada é gratuita e os ingressos são limitados.

O projeto é realizado com patrocínio da Prefeitura do Natal, através do Programa Djalma Maranhão, tendo como incentivadores o Hospital do Coração e a Humana Saúde. Conta com o apoio cultural da Universidade Federal do Rio Grande do Norte – UFRN.

Entre momentos de incertezas e perdas, há, também, solidariedade, afeto e reconhecimento. E o Tributo é uma oportunidade para agradecer a todos os profissionais que se dedicam diariamente à vida do próximo. “O show é uma maneira que encontramos para homenagear os verdadeiros heróis da vida real”, ressalta o diretor administrativo do Hospital do Coração, Nelson Solano.

O público terá oportunidade de prestigiar de perto e fazer parte desta homenagem. A entrada é gratuita e os ingressos podem ser adquiridos pelo cadastro online no LAIS (Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde), pelo link https://eventos.lais.ufrn.br/e/tributosaude. Será permitido um por CPF e, no dia do concerto, o acesso se dará mediante apresentação do ingresso virtual e documento com foto. Para quem tomou a vacina no Rio Grande do Norte, após cadastrado na plataforma de ingresso, o mesmo será encaminhado automaticamente para o e-mail informado na inscrição. Já quem se vacinou em outros estados, a comprovação será feita no dia do evento, mediante apresentação de carteira de vacinação e documento de identificação. Para menores de 12 anos, não é necessário cadastro (o responsável deve levar documentação que comprove idade).


Comente aqui