Polícia

Suspeitos de matar idoso na Praia de Pitangui são presos

(FOTO: ASSECOM/SESED)

(FOTO: ASSECOM/SESED)

Com o apoio da população, policiais militares e civis que atuam no município de Extremoz conseguiram identificar e prender, nesta sexta-feira (1)  três suspeitos de cometerem um homicídio na Praia de Pitangui, onde a vítima seria um idoso de 83 anos e capturaram um foragido da Justiça. Os suspeitos detidos foram Igor Lopes da Silva, “vulgo “Igor Pesadelo”e Jefferson Santos da Silva, vulgo “Lilinho”, ambos de 20 anos, além de Márcio de Sales Bernadino, de 22 anos, vulgo “Pequeno”. No momento da prisão do trio, um quatro homem, identificado por Joilson Lemos da Silva, vulgo “Coroa”, também foi detido por estar com um mandado de prisão pelo crime de tráfico de drogas.
Com eles foram localizados objetos pertencentes à vítima como TV LCD, aparelho de DVD, frascos de perfume e peças de roupas, todos equipamentos reconhecidos pelos parentes, além de facão e uma Pistola de ar comprimido. O grupo é suspeito de realizar outros crimes na região.
A Polícia Militar ressalta que a participação da população foi de fundamental importância, para que a resposta a esse crime que, chocou toda a população de Pitangui, fosse dada com tamanha rapidez, o que mais uma vez vem afirmar que a segurança pública é dever do Estado, mas também direito e responsabilidade de todos.
Informações do crime
José Felisberto de Oliveira, de 83 anos, conhecido na comunidade como “Seu Zé”, era bastante conhecido onde morava e foi barbaramente assassinado, na última quinta-feira (31)  com golpes de arma branca. A vítima ainda foi amarrada, amordaçada e escondida no  banheiro de um quarto externo da casa onde o mesmo residia e trabalhava como caseiro. Possivelmente morreu ao reconhecer os criminosos que tentavam furtar a residência.


Comente aqui