Interior do RN

Suspeita de cometer improbidade administrativa, prefeita de Vila Flor é investigada por CEI e pode perder o mandato

PELO MENOS CINCO DENÚNCIAS ESTÃO FAZENDO A PREFEITA IVÂNIA MARTINS VIVER UM ” INFERNO ASTRAL” NESTE FINAL DE ANO

Ao que parece, 2020 não vai começar bem para a prefeita Ivânia Martins, do município de Vila Flor, que está sob suspeita de praticar irregularidades na sua gestão. Segundo informações que chegam ao BLOG DO FM, a prefeita recebeu na manhã da última quarta-feira a comunicação oficial da Câmara Municipal de Vila Flor de que será investigada por uma Comissão Especial de Inquérito (CEI), criada para apurar as denúncias de improbidade administrativa.

Ivânia, que poderá ter o se mandato cassado, caso as ilegalidades sejam comprovadas, tem agora um prazo de 15 dias para apresentar defesa.

Pelo menos cinco denúncias estão fazendo a prefeita de Vila Flor viver um ” inferno astral” neste final de ano: São elas:

1. Uma máquina do programa PAC teria feito serviços na casa da prefeita;

2.Um carro agregado no gabinete da prefeita seria financiado no nome de um secretário adjunto onde a prestação seria quase o dobro do seu salário;

3 Pedras de uma obra de calçamento teriam sido levadas para um sítio que supostamente possa ser do secretário de administração (marido da prefeita);

4. A empresa da esposa do pregoeiro contratado no município venceu licitações no mesmo, e ele é procurador desta empresa, licitações através de tomadas de preços e dispensas;

5. Há também denúncias sobre obras não licitadas.

Vila Flor


3 Comentários

Deixe um Comentário