Geral

PPS de luto no RN: enfarto fulminante tira a vida de Alexandre Gusmão, secretário-geral da legenda

ALEXANDRE GUSMÃO (XAMBINHO) FOI VÍTIMA DE UM ENFARTO ENQUANTO DORMIA

O PPS no Rio Grande do Norte está de luto: morreu na madrugada desta sexta-feira o advogado Alexandre Gusmão, secretário-geral da legenda, que faleceu enquanto dormia vítima de um enfarto fulminante. A informação foi confirmada pelo ex-deputado Wober Júnior, presidente regional do partido, que considerou o falecimento de Gusmão como “uma perda irreparável para o PPS”.

Alexandre Gusmão, conhecido entre amigos pelo apelido de “Xambinho”, tinha 20 anos de serviços prestados ao PPS potiguar.

“ Se para o PPS a morte de “Xambinho” é irreparável, para mim, como seu amigo há 25, é algo imensurável. A minha amizade com ele é bem mais antiga do que a sua participação no próprio PPS. Ele era militante exemplar do partido e amigo. Estamos todos de luto, os militantes , os amigos e companheiros e companheiras da legenda”, disse.

Com ampla experiência administrativa no setor público, Alexandre Gusmão atuou como Chefe de Gabinete do Instituto Técnico e Científico de Polícia ( ITEP), Diretor Administrativo do Centro de Reabilitação Infantil (CRI), Coordenador Administrativo e Financeiro do Instituto de Gestão da Águas do RN (IGARN), Presidente da Câmara de Compensação Ambiental e Assessor Técnico no Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (IDEMA), Diretor do Parque das Dunas, além de diretor da Secretaria de Esportes e Lazer de Natal.
Gusmão também atuou, em 2016, como Diretor de Planejamento e Articulação de Políticas da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (SUDENE).


Deixe um Comentário