Cultura

Ribeira Boêmia retoma eventos com homenagem a Jorge Aragão

FOTO: DIVULGAÇÃO

Uma volta em grande estilo, mas com muita cautela. Assim será o primeiro evento do Ribeira Boêmia com público presencial dos últimos 20 meses. O #RibeiraCanta é um novo projeto que pretende homenagear os grandes nomes da música popular brasileira. A primeira edição da roda de samba vai ser um tributo a Jorge Aragão e está marcada para as 20h do dia 8 de outubro, no Iate Clube do Natal.

Para esta edição, estão confirmadas as participações especiais de dois cantores da terra: Berthone Oliveira e Matheus Magalhães (Samba Preto no Branco), que também participaram das lives solidárias dos últimos meses. Os ingressos já estão à venda e a procura, bem alta. Sócios do Iate Clube têm direito a desconto, devendo comprar de forma presencial na secretaria do clube. Quem não for associado, deve efetuar a compra pela internet (outgo.com.br/ribeira-canta-jorge-aragão).

Como o último grande evento com público presencial foi em janeiro de 2020, essa nova empreitada está sendo encarada pela organização do Ribeira Boêmia como um evento teste. Com a liberação dos decretos municipal e estadual para festas de maior porte, esta edição tem uma estimativa de público de 480 pessoas. Todos os protocolos de segurança serão exigidos aos presentes.

O homenageado Jorge Aragão da Cruz é conhecido como o Poeta do Samba e não é à toa. O sambista carioca é um letrista de mão cheia desde a década de 1970, quando Elza Soares gravou Malandro. Tem inúmeros outros sucessos Brasil afora e já teve música (Coisinha do Pai) tocada até em Marte. Ex-integrante do Fundo de Quintal, foi na carreira solo que Aragão seu auge: 750 mil cópias vendidas de cada CD ao vivo lançado em 1999 e 2000.



Comente aqui