CORONAVÍRUS

REAÇÃO IMEDIATA: Proprietários de bares e restaurantes em Natal protestam contra novo decreto estadual

MANIFESTAÇÃO OCORRERÁ EM FRENTE À FEIRINHA DE ARTESANATO, NA ENTRADA DO CONJUNTO PONTA NEGRA. FOTO: REPODUÇÃO

Após a governadora Fátima Bezerra anunciar em novo dcreto, medidas mais rígidas sugeridas pelo Comitê Científico do RN, a exemplo do toque de recolher a partir das 20h até às 6h da manhã, de segunda a sábado, além da restrição na venda de bebidas alcoólicas nos finais de semana, assim como consumo em locais públicos (bares, restaurantes, conveniências, praças, praias), proprietários de bares e restaurantes promovem nesta sexta-feira, em Ponta Negra, um protesto contra as medidas.

Em Nota, o grupo reage ao novo decreto e anuncia que não vai aceitar cumprir as novas medidas e ressalta as normas de biossegurança que os estabelecimentos vem cumprindo.

NÃO VAMOS ACEITAR!

“Sra. Excelentíssima governadora Fátima Bezerra, infelizmente o diálogo com nossa categoria não funcionou e não vamos aceitar essa falta de diálogo.

Fechar as 20h diariamente e não funcionar aos domingos é assassinar um setor que já está na UTI há mais de uma ano e nós não vamos aceitar!

Sabemos da gravidade da doença e que não temos leitos, mas não acreditamos que restaurantes e bares sérios que trabalham seguindo todas as normas de biossegurança são responsáveis pelo que está acontecendo.

Alguns poucos irresponsáveis fazendo aglomerações, festas e muita baderna não representa uma categoria toda, responsável e íntegra!

E por assim ser vamos nos fazer ter vez e voz!

Hoje as 20h em frente a feirinha de artesanato de ponta negra no semáforo, vamos protestar contra essas medidas genéricas que não se aplica a maioria de nós!

Traga sua máscara, face shield, álcool em gel e não aglomerem!

Vamos reivindicar em paz e com segurança!”.


Comente aqui