Economia

PROCON NATAL constata redução no preço do milho verde em relação ao ano passado

O PROCON ORIENTA QUE O CONSUMIDOR QUE PUDER ANTECIPAR A COMPRA DEVE FAZÊ-LO, POIS QUANTO MAIS PERTO DO SÃO JOÃO, MAIOR É A PROCURA PELO MILHO

 

O PROCON Natal  realizou neste mês de junho uma pesquisa para medir o preço do milho verde para o consumidor final. A pesquisa foi realizada de 04 a 07 e na segunda semana de 11 a 14. Foram pesquisados 08 (oito) tradicionais feiras da cidade (Alecrim, Santa Catarina, Conjunto Pirangi, Igapó, Nova Natal, Cidade da Esperança, Carrasco), Ceasa, Centro de Agricultura da Família , além de Supermercados e Mercadinhos.

A variação em comparação com o ano passado apontou uma queda. A unidade teve uma redução de (-8,55%) nas feiras livres e de (-13,44%) nos canteiros de vendas. A mão com 50 unidades seguiu a mesma tendência de queda em relação ao ano anterior de (-8,79%) para as feiras e (12,87%) nos canteiros de venda na cidade, o cento desse produto ficou com uma redução de (-8,09%) e (-13,31%) para feiras e canteiros de venda respectivamente.

A redução nos preços se deve, entre outros fatores, às dificuldades na economia sentidas atualmente e os pesquisadores observaram que na compra de maiores quantidades, os comerciantes ofereceram bons descontos para fechar a venda. O PROCON orienta que o consumidor que puder antecipar a compra deve fazê-lo, pois quanto mais perto do são João, maior é a procura pelo milho, e o ideal é que o consumidor não deixe para comprar na véspera, correndo o risco de ter dificuldades para encontrar tendo que pagar mais caro

A pesquisa na íntegra está disponível no site do PROCON NATAL:  www.natal.rn.gov.br/procon .



Deixe um Comentário