CORONAVÍRUS

Prefeito de Natal tranquiliza músicos ao afirmar que não proibirá música ao vivo em novo decreto

PREFEITO ÁLVARO DIAS ENDURECE NORMAS RESTRITIVAS PARA EVITAR AUMENTO DOS CASOS DA COVID NA CIDADE. FOTO: REPRODUÇÃO/TWITTER

O prefeito de Natal, Álvaro Dias, tranquilizou os músicos que trabalham na capital, ao afirmar nas redes sociais que o novo decreto não irá proibir música ao vivo nos bares e restaurantes, desde que seja cumprida a determinação de funcionamento até às 22 horas, nos próximos 14 dias.

Dessa forma, Álvaro corresponde aos vários apelos registrados nas redes sociais, onde profissionais da música, pede a exclusão da atividade nas medidas de restrição em decorrência do aumento da pandemia na capital.

Em novo decreto, publicado nesta terça-feira, portanto, não está proibida música ao vivo nos estabelecimentos, que devem fechar suas portas até às 22 horas, onde o último cliente precisa sair às 23 horas. Além dos bares e restaurantes, as conveniências e afins, também estão impedidas de comercializar bebidas alcoólicas após às 22 horas.


Comente aqui