Polícia

Polícia diz que suspeito de atirar em vendedora teve ajuda para fugir

PAULO ROBERTO DA SILVA, 36 ANOS, É O PRINCIPAL SUSPEITO DE TENTAR MATAR RENATA RANYELLE. FOTO: REPRODUÇÃO

A Polícia Civil identificou uma pessoa que auxiliou na fuga de Paulo Roberto da Silva, 36, anos, principal suspeito de tentar matar a vendedora Renata Ranyelle, no último sábado, 23. em São Miguel. A pessoa que não teve a identidade revelada, teria ajudado Paulo Roberto a escapar após a expedição do mandato de prisão temporária.

Segundo a Polícia Civil, o depoimento da pessoa que ajudou na fuga do suspeito foi coletado e ela será indiciada.

A Polícia Civil solicita que a população envie denúncias anônimas que ajudem na localização do suspeito. Informações que possam colaborar com a prisão de Paulo Roberto devem ser enviadas para o Disque-Denúncia 181, com garantia de sigilo.

O mandado de prisão temporária, expedido na noite dessa quarta-feira, 27, é válido por 30 dias. O homem não foi localizado na casa dele e por isso já é considerado foragido.


Deixe um Comentário