Polícia

PM prende suspeito de atirar contra policial penal em tentativa de assalto a pousada em Pipa

FOTO: DIVULGAÇÃO

A Polícia Militar prendeu na noite desta terça-feira (14) o homem suspeito de atirar contra um policial penal no início da tarde, em tentativa de assalto a uma pousada na praia da Pipa, no litoral Sul do Rio Grande do Norte. Uma mulher, que seria comparsa do autor dos disparos, também foi detida durante a abordagem realizada a um ônibus que faz a linha entre Pipa e Natal, em Goianinha. A arma utilizada no crime foi apreendida. O casal foi levado à Central de Flagrantes da Zona Sul, na capital potiguar.

Imagens de câmeras de segurança mostraram o momento em que o criminoso invadiu a varanda da pousada e abordou os hóspedes com uma arma de fogo. O policial penal, que comemorava aniversário ao lado de familiares, reagiu e entrou em luta corporal com o bandido, que fez vários disparos contra ele.

Mesmo ferido, o agente seguiu em direção ao criminoso, que apontou novamente a arma contra o policial, mas fugiu na sequência. Vídeos ainda revelaram que o suspeito chegou ao local do crime acompanhado de uma mulher, que ficou do lado de fora da pousada durante a ação.

O policial penal foi atingido com dois tiros – um na barriga e um na coxa direita – e socorrido ao Hospital Deoclécio Marques de Lucena, em Parnamirim, onde passou por cirurgia.

À noite, o Sindicato dos Policiais Penais (Sindpenn-RN) confirmou que o agente passa bem e que está fora de perigo. A presidente da entidade, Vilma Batista, esteve no hospital Deoclécio Marques para acompanhar o socorro ao policial penal. “A equipe médica divulgou um boletim, após a cirurgia, e confirmou que, graças a Deus, nosso colega está fora de perigo e, agora, ficará em observação no processo de recuperação”, disse.

G1RN


Comente aqui