Política

Planalto cancela licitação de alimentos para avião presidencial

 O PLANALTO PREVÊ GASTAR R$ 7.500 NA COMPRA DE 500 POTINHOS DA MARCA AMERICANA HÄAGEN-DAZS

LICITAÇÃO PREVIA UM GASTO R$ 7.500 NA COMPRA DE 500 POTINHOS DA MARCA AMERICANA HÄAGEN-DAZS

Diante da repercussão negativa, o Palácio do Planalto decidiu na tarde desta terça-feira (27) cancelar a licitação de alimentos para o avião presidencial orçada em R$ 1,75 milhão.

O aviso da licitação foi publicado no Diário Oficial no dia 19. Entre os produtos solicitados estão 500 potes de 100 gramas do sorvete tipo premium da marca Häagen-Dazs, pelo preço de R$ 15,09 cada um.

Ao Blog, o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, confirmou a decisão de cancelar essa licitação. Ele disse ainda que, desde 2009, não se fazia licitação para esse tipo de gasto e que os produtos indicados no edital eram apenas de referência. “Mesmo assim, decidimos cancelar a licitação”, afirmou Padilha.

Blog do Camarotti/Globo



Deixe um Comentário