ELEIÇÕES 2020

PESQUISA SETA: vereadores Paulinho Freire, Luiz Almir e Bispo Assis estão em empate técnico na disputa pelo 1º lugar

Diante da margem de erro ( 2,5% para mais ou para menos) registrada na pesquisa do Instituto Seta e divulgada na tarde desta terça-feira, 22, pelo Blog do BG, o presidente da Câmara, vereador Paulinho Freire, e os vereadores Luiz Almir e Bispo Francisco de Assis estão tecnicamente empatados na disputa pelo primeiro lugar na preferência do eleitor. É irrisória a diferença do percentual de intenção de votos entre os três primeiros candidatos que lideram a pesquisa para vereador – todos já detentores de mandatos. Bispo Francisco de Assis tem 1,7% das intenções de votos, tecnicamente empatado com Luiz Almir (1,2%) e Paulinho Freire (1,1%).

Ou seja, todos os três vereadores detentores de mandato se mostram credenciados, de acordo com os números do Instituto Seta, a ocupar o primeiro lugar na preferência do eleitor. Com a diferença inexpressiva de intenção de votos que a pesquisa revela existir entre eles, não se pode dizer que Assis esteja em primeiro lugar, Luiz Almir em segundo e Freire em terceiro. Todos estão em situação equivalente no diz respeito a ocupação da “pole position”.

Um fato chamou a atenção dos observadores da cena política, com experiência nos cenários eleitorais da Câmara Municipal de Natal – a vereadora Nina Souza (PDT) não apareceu na listagem dos candidatos citados, embora seja considerada no Legislativo municipal uma vereadora com excelente representatividade eleitoral.

No segmento de “ex-vereadores”, chama atenção a performance do professor Hugo Manso (PT), que obteve 1,0% das intenções de votos, empatando tecnicamente com nomes com mandato, como os vereadores Preto Aquino (0,8%), Aroldo Alves (0,7%), Dinarte Torres (0,6%), Kleber Fernandes (0,5%), Raniere Barbosa (0,6%) – este um nome considerado como sendo detentor de amplo capital eleitoral -, Dikson Júnior (0,5%), Ari Gomes (0,5%), entre outros legisladores que tiveram pontuação inferior a 0,4% das intenções de votos.

Para a realização da pesquisa, foram entrevistados 1000 eleitores de Natal entre os dias 17 e 18 de setembro, que permite uma margem de erro de apenas 2,5% para mais ou para menos, também uma das menores margens de erro de todas as pesquisas realizadas na cidade. Os resultados foram calculados com intervalo de confiança de 95%, o que quer dizer que se a margem de erro for considerada, a pesquisa tem 95% de chances de retratar o cenário real da capital potiguar. 


Comente aqui