Política

Pesquisa Seta mostra Álvaro Dias na frente e empate técnico entre Kelps, BG e Sandro Pimentel

DEPUTADO KELPS LIMA EMPATA TECNICAMENTE COM BRUNO GIOVANNI. FOTO: REPRODUÇÃO/96FM

Divulgada na tarde desta quinta-feira, 13, a pesquisa do Instituto Seta revela que o prefeito Álvaro Dias (MDB) registra amplo favoritismo diante dos seus concorrentes na disputa pela Prefeitura de Natal. Dias detém mais que o dobro das intenções de votos (15,9%) que foram conferidas ao deputado estadual Kelps Lima (Solidariedade), que aparece em segundo lugar com apenas 6,4% da preferência do eleitor, enquanto o comunicador Bruno Giovani, o BG, aparece em terceiro lugar com 5,9% dos votos, juntamente com o deputado estadual Sandro Pimentel. Como a pesquisa tem uma margem de erro de 3,5% para mais ou para menos, os números mostram que Kelps Lima, embora seja detentor de mandato parlamentar e já esteja em plena campanha com vistas a Prefeitura de Natal, encontra-se tecnicamente empatado com BG, que não detém mandato, e Sandro Pimentel, que já foi inclusive vereador em Natal.

Neste cenário, o Instituto Seta elencou entre os prováveis candidatos a prefeito o senador petista Jean Paul Prates, que tem uma pífia performance, com apenas 1,1% dos votos.

PRATES É FIASCO ELEITORAL

Ainda nesse cenário, quando é pesquisado o nome do petista, professor Carlos Alberto, este consegue ter um desempenho melhor que Jean Prates, com 4,0% das intenções de voto, se posicionando em quarto lugar e expondo o senador petista como um verdadeiro fiasco eleitoral dentro do Partido dos Trabalhadores.

O total de indecisos foi de 17% e o dos que responderam que pretendem votar em branco ou nulo foi de 37,6%.

Os demais nomes não superaram a margem de erro. Foram eles: Hermano Morais (2,6%), Eudiane Macedo (1,7%), Jean Paul Prates – como candidato do PT (1,1%), General Girão 1%), Coronel Azevedo (0,6%) e Karla Veruska com 0,4%.

A pesquisa foi realizada entre os dias 5 e 6 de fevereiro com 700 eleitores de todas as zonas eleitorais de Natal. O intervalo de confiança (nível de significância) é de 95% com margem de erro de 3,5% para mais ou para menos. Toda a pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral sob o número RN-


Deixe um Comentário