Últimas do FM

Economia

Impeachment: associação de shoppings sugere ponto facultativo no domingo

A ASSOCIAÇÃO SUGERE O FECHAMENTO DOS SHOPPINGS NO DOMINGO COMO ATO DE APOIO AO PROCESSO DE IMPEACHMENT E ( VALTER CAMPANATO/AGÊNCIA BRASIL)

A ASSOCIAÇÃO SUGERE O FECHAMENTO DOS SHOPPINGS NO DOMINGO COMO ATO DE APOIO AO PROCESSO DE IMPEACHMENT E ( VALTER CAMPANATO/AGÊNCIA BRASIL)

Em demonstração de descontentamento à situação política e econômica pela qual o país passa, a Associação Brasileira de Shoppings Centers (Abrasce) sugeriu que os shoppings centers não abram no próximo domingo (17), dia da votação do processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff na Câmara dos Deputados.

Em nota, a Abrasce disse que a recomendação se justifica diante da “grave crise política e econômica do país que tem promovido o aumento do desemprego, diversos pedidos de recuperação judicial, o fechamento de empresas, com consequentes efeitos colaterais no setor de serviços e industrial”.

O objetivo é autorizar os lojistas que quiserem liberar seus funcionários para participar “desse momento histórico da democracia brasileira”.

A Abrasce representa mais de 300 shoppings filiados em todo o país. O Brasil conta hoje com 538 centros de compras, com previsão de inauguração de mais 30 em 2016. Em 2015, o setor faturou R$ 151,5 bilhões.

Além a Abrasce, a ação conta com o apoio da Associação Brasileira de Lojistas de Shopping (Alshop) e da Associação Brasileira de Franchising (ABF).

Agência Brasil

Deixe um Comentário

Política

Após rompimento de Fábio Faria, deputado Mineiro pede que PT entregue os cargos que ocupa no governo do RN

FÁBIO FARIA JUNTO COM FERNANDO MINEIRO DURANTE CAMPANHA ELEITORAL EM 2014.

FÁBIO FARIA JUNTO COM FERNANDO MINEIRO DURANTE CAMPANHA ELEITORAL EM 2014.

O anúncio feito pelo deputado Fábio Faria (PSD) de que votará a favor do impeachment da presidente Dilma Rousseff ganhou rápida repercussão. Horas depois da divulgação, o deputado Fernando Mineiro (PT), usou o seu perfil no Twitter, para sair em defesa da presidente.
Um dos principais nomes do PT no RN e importante aliado durante a campanha eleitoral de Fábio Faria e de seu pai, o governador Robinson Faria, Fernando Mineiro sugeriu que os membros do Partido dos Trabalhadores no estado entreguem os cargos que ocupam no Governo do Estado. Atualmente o PT comanda duas pastas na administração estadual: a Secretaria de Educação e a Fundação José Augusto.
TWITTER DO DEPUTADO FERNANO MINEIRO NA NOITE DESTA QUARTA-FEIRA (13).

TWITTER DO DEPUTADO FERNANDO MINEIRO NA NOITE DESTA QUARTA-FEIRA (13).

Deixe um Comentário

Política

Fábio Faria anuncia voto a favor do impeachment da presidente Dilma

O DEPUTADO FÁBIO FARIA (PSD) DIVULGOU NOTA À IMPRENSA INFORMANDO O SEU POSICIONAMENTO. (FOTO: SITE/PSD)

O DEPUTADO FÁBIO FARIA (PSD) DIVULGOU NOTA À IMPRENSA INFORMANDO O SEU POSICIONAMENTO. (FOTO: SITE/PSD)

Após muita especulação, o deputado federal Fábio Faria anunciou na noite de ontem (13) o seu voto a favor do impeachment da presidente Dilma Roussef . Filho do governador do RN,  Fábio Faria, que contou com o apoio do partido da presidente, o PT, durante toda a sua campanha eleitoral, disse por meio de nota divulgada à imprensa que o seu posicionamento é “fruto do amplo diálogo” junto com o seu partido , o PSD. Leia a nota na íntegra:

” Minha posição é fruto de amplo diálogo dentro do meu partido, o PSD, respeitando a liderança do nosso presidente Gilberto Kassab; nos debates travados com nosso grupo político no RN; nas impressões trocadas com empresários e trabalhadores; nas inúmeras conversas com eleitores potiguares e com a minha família.

O Brasil vive hoje uma seríssima crise política e econômica em que o atual governo perdeu completamente a condição de produzir consensos e um mínimo de entendimentos efetivos em prol do desenvolvimento do País. O governo perdeu a capacidade de dialogar com a sociedade, com amplos setores produtivos, com a classe empresarial, e, por último, viu interditado o caminho do diálogo com a Câmara dos Deputados.

Neste domingo, portanto, votarei a favor do impeachment, em total sintonia com o meu partido, com a iniciativa da minha bancada, com o desejo das forças políticas e sociais do meu estado, com a expectativa dos meus eleitores e, principalmente, com a minha consciência.

Votarei pela esperança de ver um Brasil reconstruído, livre da paralisia imposta por uma pauta única provocada pela crise. Precisamos ultrapassar e vencer a pauta do impeachment, para que a economia reencontre os caminhos do crescimento e as ruas voltem a ser passeio público de uma única nação, porque não existem dois Brasis, pois somos apenas um povo, unificado na mistura de raças, credos e costumes.

Que Deus ilumine o Brasil e proteja sempre o seu povo.

Fábio Faria
Brasília, 13 de abril de 2016

Deixe um Comentário

Saúde

Médico potiguar usa rede social para denunciar situação “desesperadora” da saúde privada do RN

O MÉDICO MADSON VIDAL USOU O SEU PERFIL NO TWITTER PARA FAZER AS DENÚNCIAS.

O MÉDICO MADSON VIDAL USOU O SEU PERFIL NO TWITTER PARA FAZER AS DENÚNCIAS.

O médico anestesiologista Mádson Vidal, usou as redes sociais para relatar uma situação que julga “desesperadora” na assistência médica pediátrica do RN. Segundo o relato postado inicialmente no Twitter e que rapidamente começou a circular pelos grupos de Whatasap, atualmente, não existe sequer um leito de UTI ou enfermaria para internar uma criança no estado. O profissional cita alguns hospitais de rede privada que já não oferecem mais os serviços,cobra ações do Ministério Público e encerra conclamando a população para que “rezem”. Leiam abaixo:

“Situação DESESPERADORA na assistência pediátrica do RN. Hoje não há 1 leito de qualquer natureza( uti ou enfermaria) para internar uma criança. Aqui, na Promater para dar um alento ao sofrimento de pais e crianças transformaram a recepção infantil num espaço para internar as crianças doentes. Já são 10 crianças internadas nessas condições. Não há mais sequer um ponto de oxigênio no PS. Situação de revolta e de muita dor. Investir em cuidar de crianças não dá lucro, dizem os donos de hospital. No público os gestores desdenham do sofrimento e ignoram os óbitos de “anjos” diariamente por falta de UTI. Que sociedade é essa que vivemos? Onde está o MP? Conhecem a situação é nada fazem. Ninguém tá nem aí…. Ninguém se envolve e se incomoda. Essa situação foi anunciada há muito tempo. De lá para cá, só diminuíram os leitos…. Alguém só grita e esperneia quando é um filho. Muita dor e lamento!”
O Papi vai fechar…. Só temos a promater…. Rezemos para que nossas crianças não precisem de internamento. Caso contrario teremos q ir p outro Estado.

Deixe um Comentário

Variedades

Palco Giratório inicia apresentações no Rio Grande do Norte

O ESPETÁCULO DE DANÇA “DÚPLICE” (GO), DE RODRIGO CRUZ E RODRIGO CUNHA, SERÁ APRESENTADO EM NATAL E MOSSORÓ (FOTO: LAYZA VASCONCELOS)

O ESPETÁCULO DE DANÇA “DÚPLICE” (GO), DE RODRIGO CRUZ E RODRIGO CUNHA, SERÁ APRESENTADO EM NATAL E MOSSORÓ (FOTO: LAYZA VASCONCELOS)

No próximo dia 16 de abril, o Sistema Fecomércio, através do Sesc RN, recebe a 19ª edição do Palco Giratório, projeto que leva espetáculos culturais para todas as regiões do Brasil. No Rio Grande do Norte, o projeto inicia com o espetáculo de dança “Dúplice” (GO), de Rodrigo Cruz e Rodrigo Cunha, que se apresentam em Natal e Mossoró. Além do espetáculo, o Palco Giratório promove ainda um intercâmbio com o grupo Passurbano (RN) e oficina sobre processos criativos.

O espetáculo “Dúplice” traz o encontro de um bailarino-ator com um ator-bailarino que, através de um diálogo corporal, interpretam dois mercadores vendendo a mesma cena, dois artistas cênicos representando uma mesma mercadoria. As apresentações acontecem dia 16/04, às 20h na Casa da Ribeira e dia 17/04, às 17h no Teatro Dix-Huit Rosado, seguida de bate-papo com o elenco. A entrada custa 1 KG de alimento não perecível.

No dia 18 de abril, o grupo realiza a Oficina Dúplice, das 13h às 17h, no Sesc Cidade Alta. A proposta é compartilhar o processo criativo do espetáculo “dúplice” visando estimular a pesquisa entre público e artistas. As inscrições permanecem abertas até o dia 14/04, através do envio da ficha de inscrição, que se encontra disponível, para o e-mail [email protected]

Dentro da proposta do Palco Giratório, haverá ainda um intercâmbio artístico com o grupoPassurbano (RN), que apresenta o espetáculo “Boombox” no dia 18/04, às 20h na Casa da Ribeira.  Ao final do espetáculo, haverá um bate-papo com o elenco. A entrada custa 1 KG de alimento não perecível. Os alimentos não-perecíveis arrecadados serão destinados ao Mesa Brasil – Sesc RN, programa do Sesc de combate à fome e o desperdício de alimentos.

Palco Giratório

Já consolidado no cenário cultural brasileiro, o Palco Giratório é um projeto do Sesc que apresenta espetáculos simultâneos, percorrendo todos os estados brasileiros e contribuindo para uma política de descentralização e difusão das produções cênicas no país. O evento conta com atividades paralelas junto ao público, que promovem a reflexão e discussão sobre o trabalho dos grupos itinerantes, mostras locais de artes cênicas, além de Oficinas e Intercâmbios, encontros de grupos locais com os grupos integrantes do circuito para troca de ideias.

Serviço:
Espetáculo Dúplice*

Grupo: Rodrigo Cruz e Rodrigo Cunha (GO)

Natal

Quando?  16/04

Onde? Casa da Ribeira (Rua: Frei Miguelinho, 52. Ribeira)

Horário? 20h

Entrada? 1 KG de alimento não perecível

Mossoró

Quando? 17/04

Onde? Teatro Dix-Huit Rosado

Horário? 17h

Entrada? 1 KG de alimento não perecível

Espetáculo Boombox*
Grupo: Passurbano (RN)

Natal

Quando?  18/04

Onde? Casa da Ribeira (Rua: Frei Miguelinho, 52. Ribeira)

Horário? 20h

Entrada? 1 KG de alimento não perecível

* Após a apresentação, haverá um bate-papo com o elenco.

Oficina Dúplice
Quando? 18/04
Onde? Auditório Sesc Cidade Alta (Natal)
Horário? 13h às 17h
Vagas? 20 vagas
Inscrições? Até o dia 14/04, através do envio da ficha de inscrição, que se encontra disponível no site, para o e-mail [email protected]

Deixe um Comentário

Política

TRF derruba decisão de juíza e Aragão volta a ser ministro da Justiça

NOMEAÇÃO DE EUGÊNIO ARAGÃO PARA O MINISTÉRIO DA JUSTIÇA FOI SUSPENSA ONTEM POR DECISÃO LIMINAR DE JUÍZA DA 7ª VARA DO TRF-1 (MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL)

NOMEAÇÃO DE EUGÊNIO ARAGÃO PARA O MINISTÉRIO DA JUSTIÇA FOI SUSPENSA ONTEM POR DECISÃO LIMINAR DE JUÍZA DA 7ª VARA DO TRF-1 (MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL)

 

A segunda instância da Justiça Federal derrubou hoje (13) decisão que suspendeu a nomeação do ministro da Justiça, Eugênio Aragão. A decisão, em caráter liminar, foi proferida pelo presidente do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), desembargador Cândido Ribeiro, e atendeu a pedido da Advocacia-Geral da União (AGU).

Na decisão, o magistrado entendeu que o ministro deve continuar no cargo até decisão definitiva do Supremo Tribunal Federal (STF).

“A decisão questionada, tomada em juízo de cognição sumária, em momento de sensível clamor social, tem o condão de acarretar grave lesão aos bens tutelados pela medida excepcional de contratutela, visto que agrava, ainda mais, a crise de governabilidade e de credibilidade, com inegável impacto no panorama político e econômico do país”, decidiu Ribeiro.

Ontem (12), a juíza federal Luciana Raquel Tolentino de Moura, da 7ª Vara Federal no Distrito Federal, atendeu a pedido de um advogado que entrou com ação popular para barrar a nomeação de Aragão, que é subprocurador da República licenciado.

Na ação popular, o autor alegou que o ministro não tem direito adquirido para acumulação de cargos, por ter entrado no Ministério Público Federal (MPF) antes da promulgação da Constituição de 1988.

Para a juíza, a vedação também se aplica aos membros do MP que tomaram posse antes da atual Constituição, caso de Aragão. O entendimento da magistrada não ainda foi julgado pelo STF.

Recentemente, a Corte de manifestou no caso ex-ministro da Justiça, Wellington César Lima e Silva, também membro do Ministério Público. O STF decidiu que Lima e Silva não poderia continuar no cargo por ter ingressado no MP da Bahia após a Constituição de 1988 e não ter deixado o cargo vitalício. Após a decisão, a presidenta Dilma Rousseff decidiu nomear Aragão para a pasta.

Agência Brasil

Deixe um Comentário

Diversos

Tico Santa Cruz é expulso de avião após confusão com companhia aérea

o

O CANTOR TICO SANTA CRUZ É UM DOS ARTISTAS QUE DECLARARAMSER CONTRÁRIOSAO IMPEACHMENT DA PRESIDENTE DILMA. (DIVULGAÇÃO)

ALÉM DE CANTOR, TICO SANTA CRUZ TEM GANHADO FAMA COM SEUS POSICIONAMENTOS SOBRE A CRISE POLÍTICA NO PAÍS (DIVULGAÇÃO)

O cantor Tico Santa Cruz foi expulso de um voo em São Paulo nesta quarta-feira (13), após uma confusão com a companhia aérea. Em um vídeo publicado em suas redes sociais, o vocalista do Detonautas afirmou ter sido expulso da aeronave por tentar viajar em um “assento conforto”, mais espaçoso que os outros. A confusão aconteceu porque Tico tentou sentar no assento, que estava vazio, sem pagar a taxa extra cobrada pela companhia.

No vídeo, Tico Santa Cruz explicou que se baseou em uma lei que impede a empresa aérea de cobrar por esse tipo de serviço. O músico ainda afirmou que foi expulso do avião mesmo depois de concordar em viajar em outro assento.

Depois de toda a confusão, o cantor foi retirado da aeronave por três agentes da Polícia Federal. O voo, que tinha como destino a cidade paranaense de Maringá, atrasou em cerca de 40 minutos por causa do incidente. Tico Santa Cruz também garantiu que irá processar a Gol, empresa aérea que operava o voo do qual foi retirado. A companhia ainda não se pronunciou sobre o assunto.

Clique AQUI e veja o vídeo em que o cantor Tico Santa Cruz relata o ocorrido.

Deixe um Comentário

Política

Cristovam Buarque, senador do PPS/DF, cumpre agenda em Natal no final deste mês

SENADOR CRISTOVAM BUARQUE (PPS/DF) CUMPRE AGENDA EM NATAL NO FINAL DESTE MÊS

SENADOR CRISTOVAM BUARQUE (PPS/DF) CUMPRE AGENDA EM NATAL NO FINAL DESTE MÊS

O senador Cristovam Buarque (PPS-DF) estará em Natal no final deste mês, dias 29 e 30, cumprindo uma agenda de palestras e encontros com políticos, empresários, dirigentes e militantes do seu partido no Rio Grande do Norte. São três eventos que contarão com a presença do senador do PPS do Distrito Federal, ex-governador de Brasília e ex-ministro da Educação.

Na sexta-feira, 29, Cristovam Buarque participa do seminário sobre a “Federalização da Educação Básica”, na sede da Casa da Indústria do RN (Fiern), na avenida Salgado Filho, 2860, em Lagoa Seca, a partir das 9 horas. Já no final da tarde, às 17 horas, o senador se reúne com 50 empresários do Rio Grande do Norte, ainda na sede da Fiern, e participa da reunião da diretoria da entidade com presidentes dos 30 sindicatos filiados à Federação das Indústrias do RN. Na ocasião falará sobre a conjuntura política e econômica e as perspectivas para o futuro.

No sábado, com início previsto para as 10 horas, o senador Cristovam Buarque tem um encontro marcado com a militância do PPS e simpatizantes da legenda na Assembleia Legislativa, quando fará uma palestra aberta a sociedade no Plenarinho da Casa, com o tema “PPS e a nova esperança”. O evento deve se estender até às 13 horas e contará com a presença das principais lideranças do partido no Rio Grande do Norte, da capital e do interior.

O senador Cristovam Buarque retorna a Brasília na tarde de sábado, 30, após almoçar com o presidente do PPS/RN, Wober Júnior. O embarque do senador está marcado para as 16 horas no aeroporto Internacional Aluízio Alves.

Agenda do senador Cristovam Buarque em Natal nos dias 29 (sexta-feira) e 30 (sábado) de abril/2016.

Sexta-feira | dia 29/04/2016

09:00 às 13:00 h – Seminário sobre “Federalização da Educação Básica”, na Casa da Indústria, Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (Fiern), avenida Salgado Filho, 2860, Lagoa Seca;

17:00 às 19:00 h – Reunião da Diretoria da Fiern com presidentes dos 30 sindicatos filiados a entidade. Tema: “Conjuntura política e econômica e perspectivas para o futuro”, na Casa da Indústria, Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (Fiern), avenida Salgado Filho, 2860, Lagoa Seca.

Sábado | dia 30/04/2016

10:00 às 13:00 h – Encontro com militantes do PPS e simpatizantes do partido. Palestra aberta a sociedade natalense com o tema: “PPS e a nova esperança”. Auditório do Plenarinho da Assembleia Legislativa do RN, praça 7 de Setembro, Cidade Alta;

14:00 h – Almoço com o presidente estadual do PPS, Wober Júnior;

16:00 h – Retorno à Brasília – Aeroporto Internacional Aluízio Alves – São Gonçalo do Amarante.

Fonte:PPS/RN

Deixe um Comentário

Variedades

Acusado de plágio por ‘Stairway to Heaven’, Led Zeppelin enfrentará júri

led zeppelin

ROBERT PLANT (ESQ.) E JIMMY PAGE, DA BANDA LED ZEPPELIN.

O vocalista do Led Zeppelin, Robert Plant, 67, e o guitarrista da banda, Jimmy Page, 72, terão que enfrentar um tribunal do júri para determinar se roubaram os acordes iniciais de “Stairway to Heaven”, clássico de 1971 da banda.

Numa decisão tomada na sexta-feira (8), o juiz Gary Klausner, de Los Angeles, afirmou que “Stairway to Heaven” e “Taurus”, instrumental de 1967 da banda Spirit, são parecidas o suficiente para que um júri decida se Plant e Page são responsáveis por infringirem direitos autorais.O julgamento está programado para 10 de maio.

O processo judicial é de Michael Skidmore, que representa o já morto Randy Wolfe, também conhecido como Randy Califórnia, guitarrista do Spirit e compositor de “Taurus”.

Skidmore afirmou que Page pode ter sido inspirado a escrever “Stairway” para o Led Zeppelin depois de escutar o Spirit tocar “Taurus” quando as bandas fizeram uma turnê juntas em 1968 e 1969, mas que Wolfe nunca ganhou nenhum crédito.

Os acusados afirmaram que Wolfe compunha por encomenda, não podia reivindicar direitos autorais, e que a progressão de acordes era tão clichê que não merecia tal proteção.

O juiz, no entanto, disse que um júri poderia encontrar similaridade “substancial” entre os dois primeiros minutos de “Stairway” e “Taurus”, o que ele chamou de “os segmentos mais reconhecidos e importantes” das duas músicas.

Fonte: Folha

Deixe um Comentário

Política

Ministro do PP, Gilberto Occhi entrega carta de demissão

O MINISTRO DA INTEGRAÇÃO NACIONAL, GILBERTO OCCHI.(FOTO: ADALBERTO MARQUES/MI)

O MINISTRO DA INTEGRAÇÃO NACIONAL, GILBERTO OCCHI.(FOTO: ADALBERTO MARQUES/MI)

O ministro da Integração Nacional, Gilberto Occhi, entregou nesta quarta-feira (13), sua carta de demissão do cargo à presidente Dilma Rousseff. A decisão ocorre no dia seguinte ao desembarque do PP do governo, liderado pela bancada do partido na Câmara que quer votar a favor do impeachment.

Com 47 deputados do PP que votarão no domingo, hoje, pelas contas do partido, cerca de 40 são favoráveis ao afastamento de Dilma. O presidente nacional da legenda, senador Ciro Nogueira (PI) forçou a manutenção do PP na base aliada, na semana passada, garantindo ao Palácio do Planalto que tinha 40 dos 57 congressistas (entre deputados e senadores) contra o impeachment.

Este movimento de Ciro ocorreu, segundo um dirigente progressista relatou reservadamente ao GLOBO, a pedido do ex-presidente Lula. O PP preparava o desembarque para o dia seguinte à decisão do diretório do PMDB de deixar a base aliada. No entanto, esta debandada foi contida por sugestão de Lula, o que daria mais tempo a Dilma e ministros negociarem a manutenção da aliança com o PP. O pedido foi feito por Lula para evitar que já na semana passada houvesse um “efeito cascata” entre os partidos do centrão, que comandam, somados, a Câmara.

No entanto, Ciro sofreu intensa pressão dos parlamentares e dos diretórios regionais, que queriam o rompimento. Nesta terça-feira, antes do anúncio do desembarque, o deputado Júlio Lopes (PP-RJ), um dos principais defensores do impeachment dentro da bancada, enviou aos deputados uma mensagem de Whatsapp lembrando que dos 38 parlamentares que votaram contra o afastamento do então presidente Fernando Collor de Mello, em 1992, apenas um conseguiu se reeleger, tamanha a pressão da opinião pública.

“Dos 38 deputados que votaram contra o impeachment de Collor, em 92, só um conseguiu se reeleger, o deputado Roberto Jefferson. Faço essa ponderação mais por não acreditar nas propostas e seriedade de um governo que ineditamente, após obter sua reeleição com nosso apoio, teve como primeira providência nos remover para um papel secundário no ministério e no governo”, diz trecho da mensagem.

O Globo

Deixe um Comentário