Últimas do FM

Política

Mais um fera potiguar das artes marciais estoura o PT e acha que Fátima Bezerra é pior que o governador Flávio Dino

COLECIONADOR DE VITÓRIAS NO BELLATOR, PATRICKY PITBULL ASSUMIU SUA POSIÇÃO IDEOLÓGICA: ANTI-ESQUERDA. FOTO: FOX SPORTS

Ao que parece, lutadores potiguares de diferentes artes marciais decidiram comprar briga com a ideologia esquerda. E pelo visto será nocaute no primeiro round.

Desta vez, o lutador peso-levo de MMA, Patricky Pitbull, publicou em seu perfil no Facebook a seguinte mensagem: “Como nordestino raiz, não concordo com a declaração do presidente de que o pior governador é do Maranhão. A pior é a do RN”, se referindo à governadora Fátima Bezerra (PT) e ao governador Flávio Dino (PCdoB).

O atleta potiguar do Bellator também publicou imagem/texto com a seguinte mensagem: “Foi só o Bolsonaro dizer que não existe fome no Brasil que a esquerda descobriu que Lula não tirou ninguém da miséria”.

No sábado passado, o ex-lutador e introdutor do Jiu-Jitsu no RN, Banni Cavalcanti, também não baixou a guarda para ‘esquerdistas’. “Sou Paraíba de Natal-RN com muito orgulho. Ser chamado de Paraíba para mim é natural. Atualmente morando em Brasília- DF. Nunca neguei minha origem”.

Em sua página no Facebook, o maior mestre de Jiu-Jitsu do RN abriu o jogo: “Sou AntiPTralha doa a quem doer. Votei no JB e não me arrependo. Não desfaço amizades por causa de ideologia política. Quem não tiver satisfeito com minha preferência, é simples, somente me excluir. Eu não opino em postagens de ninguém, então respeite as minhas”.

Segurança

Sesed entrega nesta terça-feira R$ 2 milhões em viaturas e equipamentos para a Polícia Civil

AO TODO, SERÃO 30 AUTOMÓVEIS E NOVE MOTOCICLETAS E DIVERSOS EQUIPAMENTOS. FOTO: SESED

A Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) entregará, na próxima terça-feira (23), cerca de R$ 2 milhões em viaturas e equipamentos para a Polícia Civil do Estado através de convênios firmados com a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp).

Ao todo, serão 30 automóveis e nove motocicletas e diversos equipamentos. O objetivo do convênio entre Sesed e Senasp é a estruturação das delegacias responsáveis pela investigação de homicídios de Natal e Mossoró, além das distritais de Parnamirim, São Gonçalo do Amarante, Macaíba e Ceará Mirim, visando o controle e a redução dos índices de violências e de crimes praticados nessas áreas.

Além do convênio, a Sesed também entregará para a Polícia Civil, por meio de Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR), material do legado da Senasp. Serão 30 mochilas táticas, um escudo balístico, 10 capacetes balísticos, 100 munições calibre 5.56, um fuzil imbel 7.62 e uma carabina. Unidades especializadas da Polícia Militar também receberam esses mesmos materiais.

A entrega acontece a partir das 10h, na Sesed, localizada no Centro Administrativo.

Viaturas:

DHPP Natal: 14 automóveis e duas motocicletas

DHPP Mossoró: três automóveis e duas motocicletas

1ª DP de Parnamirim: três automóveis e uma motocicleta

2ª DP de Parnamirim: dois automóveis e uma motocicleta

Delegacia de Macaíba: três automóveis e uma motocicleta

Delegacia de São Gonçalo do Amarante: três automóveis e uma motocicleta

Delegacia de Ceará Mirim: dois automóveis e uma motocicleta

Equipamentos:

364 cadeiras

241 armários

119 mesas

Economia

Rombo da Previdência do RN chega a R$ 130 mi por mês: mais de 51% da folha de pagamento

NEREU LINHARES CRITICA A FALTA DE REPASSE DOS RECURSOS DO TJRN E ALRN PARA O PAGAMENTO DAS APOSENTADORIAS DE SEUS SERVIDORES. FOTO: ASSECOM

A previdência do Rio Grande do Norte tem um rombo mensal de R$ 130 milhões, segundo o presidente do Instituto de Previdência do Estado (Ipern), Nereu Batista Linhares. O número servidores inativos já corresponde a mais de 51% da folha. De acordo com Linhares, além disso o Executivo arca com quase 50 mil aposentadorias de outros Poderes e órgãos.

“São entre 45 e 50 mil aposentadorias que o Ipern está pagando e não recebeu um centavo de custeio. E a própria Constituição Federal diz que a Previdência só pode retribuir aquilo que houve contribuição. É o Princípio Contribuitivo”, afirma Linhares.

Nereu Linhares explica que os demais Poderes e órgãos, com o Tribunal de Justiça e a Assembleia Legislativa, nunca repassaram o dinheiro para o pagamento das aposentadorias de seus servidores.

O presidente do Ipern defende que haja uma reforma que deve começar justamente por esse ponto. “A reforma é urgente, mas não pode ser do jeito que o Governo Federal está fazendo. Cada Poder e cada órgão precisa assumir a sua parte, a reforma precisa começar daí”. No entanto, o presidente do Ipern diz que qualquer tentativa de propositura estadual pode cair por terra após a definição da matéria da previdência que está sendo discutida em âmbito nacional.

O déficit atual de cerca de R$ 130 milhões mensais, na previdência do Estado, deve crescer ainda mais nos próximos anos. Nereu Linhares conta que muitos servidores estão dando entrada no processo, por temer o resultado das votações da reforma da previdência do Governo Federal.

Um problema grave, apontado por Linhares em entrevista ao G1 ainda em janeiro, é que cerca de 60% a 70% dos servidores atuais do estado estão próximos ou já têm condições de se aposentar.

Sistema de previdência potiguar

Como em todo o Brasil, a previdência estadual do Rio Grande do Norte funcionava em modelo de repartição simples. Isso significa que os servidores da ativa, que estavam contribuindo com a previdência, pagavam os salários daqueles que já estavam aposentados.

Porém, a partir de 2003, foi criado um fundo previdenciário para os novos servidores, em um modelo de capitalização. As contribuições dos servidores da ativa que entraram a partir daquele ano foram colocadas em aplicações financeiras para pagar a aposentadoria deles mesmos no futuro e o governo passou a arcar com o déficit do sistema anterior. O objetivo era acabar, em longo prazo, com o déficit previdenciário, previsto com a redução do número de servidores no estado e a aposentadoria dos antigos.

Entretanto, no final do mandato da governadora Rosalba Ciarlini (então no DEM), a Assembleia Legislativa do RN aprovou uma lei que unificava o fundo antigo (deficitário) com o novo fundo previdenciário (superavitário, com cerca de R$ 973 milhões). No mesmo dia em que a lei foi aprovada, os saques começaram. Somente em dezembro daquele, foram sacados R$ 234.157.275,33.

Já em 2015, no primeiro ano de gestão de Robinson Faria (PSD), a equipe econômica sacou mais R$ 589.157.572,32 para pagar aposentados e pensionistas, deixando a folha salarial em dia. Os saques seguiram até o esvaziamento do valor.

Em dezembro de 2016, a Assembleia aprovou uma lei que autorizou novos saques e estabeleceu um prazo até 2040, para que o valor fosse devolvido por meio de transferência de bens imóveis de propriedade do Estado. Para Nereu Linhares, entretanto, a conta não pode ser paga justamente porque a lei não estabelece como isso seria feito, nem leva em conta a capitalização desse valor.

O diretor do Ipern considera que as medidas acabaram com a iniciativa de 2003 e os servidores que entraram naquela época já estão contribuindo para o mesmo sistema deficitário que os anteriores. Uma solução de longo prazo seria a criação de um novo fundo, para os servidores que entrarem a partir de sua criação. Mas isso não resolveria o déficit atual. Seria uma medida para evitar o mesmo problema nas próximas décadas. “Se não fosse a má gestão, não teria quebrado”, critica.

G1RN

Mundo

Bebê nasce com “três cabeças” e pai tenta enterrá-lo vivo por medo de não ter como pagar tratamento

CASO OCORREU NA ÍNDIA E CRIANÇA PRECISOU SER RESGATADA POR POLICIAIS ANTES DE PASSAR POR DELICADA CIRURGIA PARA RETIRADA DE PROTUBERÂNCIAS NA CABEÇA. FOTO: NEWSLIONTV / REPRODUÇÃO
 

Em um caso raro de encefalocele, deficiência no tubo neural que causa má-formação em crianças, um bebê do estado de Uttar Pradesh, na Índia , nasceu com três cabeças e má formação no corpo.

“Essa é uma condição rara e o corpo dela não vai se desenvolver bem por causa disso. Vamos fazer uma ressonância magnética e depois uma cirurgia para separar as cabeças”, afirmou em entrevista ao canal de TV indiano NewsLion o médico Rajesh Thakur.

Segundo o canal de TV, o pai da criança ficou com medo de não ter condições de pagar o tratamento e tentou enterrar a menina viva, mas ela foi resgatada por policiais. A cirurgia foi realizada no hospital Sapthagiri, no estado de Bangalore, e a criança foi posteriormente adotada por um tio.

Os riscos de que ela tenha sequelas de desenvolvimento e deficiências mentais, porém, é alto .

iG

TV

Patrícia Abravanel elogia Neymar e Silvio Santos dispara: ‘Tá te chifrando, Fábio Faria’

ALÉM DE BRINCAR COM UM SUPOSTO INTERESSE DA FILHA PELO JOGADOR, SILVIO SANTOS QUIS SABER SE NEYMAR JÁ BEIJOU ANITTA. FOTO: REPRODUÇÃO/SBT

Foi ao ar neste domingo (21) a participação de Neymar no “Programa Silvio Santos”, gravado recentemente no SBT. O jogador do Paris Saint-Germain, tietado pela família do apresentador, participou do Jogo das Três Pistas ao lado de Patricia Abravanel, que ganhou disparado a disputa.

Durante todo o momento, a filha mais famosa de Silvio Santos deixou clara sua admiração pelo atleta, que recebeu vários elogios da mãe de Pedro, Jane e Senor. “Fábio, ela está dando bandeira pro Neymar”, disse o comunicador, referindo-se ao marido de Patrícia, o deputado Fábio Faria. “Ele é muito mais novo que eu, eu já sou tia dele”, brincou a apresentadora.

Em outro momento, Patrícia explicou que Neymar foi ao SBT para gravar um especial de Natal exibido pela emissora e feito em prol da instituição que ele mantém. E elogiou os acessórios usados pelo jogador. “Ele está muito tímido, mas está usando pulseiras, um anel e um relógio lindos”, ela disse. “Fábio, a sua mulher tá te chifrando hein”, reiterou Silvio aos risos. “Ele é um partidaço, mas eu tenho marido”, encerrou Patricia.

Terra

Governo

Datafolha: 4 em 10 não sabem citar medida positiva do governo Bolsonaro

A PESQUISA REVELOU QUE AS MULHERES CONTINUAM MAIS CRÍTICAS AO GOVERNO BOLSONARO. FOTO: EVARISTO SA/AFP

Quatro em cada dez brasileiros não consegue citar uma medida do governo Jair Bolsonaro nos primeiros seis meses de gestão. O levantamento foi realizado pelo Datafolha, nos dias 4 e 5 de julho, e divulgado nesta segunda-feira (22/7). Quando questionados sobre o que de melhor o presidente havia feito no período, 39% dos entrevistados responderam “nada”. Outros 19% não souberam responder à pergunta.

A pesquisa revelou que as mulheres continuam mais críticas ao governo Bolsonaro. A resposta “nada” sobe para 45% entre elas; 46% entre nordestinos; e 52% para fiéis de religiões afrobrasileiras. O número chega a 76% na faixa dos que avaliam a gestão de Bolsonaro como “ruim ou péssima”.

Dos entrevistados que afirmaram ter votado em Bolsonaro para presidente, 17% responderam não ver ações positivas do governo. Do outro lado, 8% das pessoas ouvidas na pesquisa avaliaram ter percebido avanços na segurança. Os homens são os que mais fizeram elogios ao governo, assim como cidadãos do Norte e do Centro-Oeste (11%) e simpatizantes do PSDB (20%).

Reforma da Previdência e combate à corrupção

As ações mais elogiadas pelos entrevistados, segundo a pesquisa, foram a reforma da Previdência (7%), e o combate à corrupção (4%). Para outros 4%, merece destaque a flexibilização do porte de armas no país. 2% citou a política externa e a escolha do time do governo; e, para 1%, foi positivo acabar com o horário de verão e nomear Sérgio Moro como Ministro da Justiça.

Medidas desaprovadas

O levantamento também demonstrou que boa parte dos entrevistados também não sabe citar medidas negativas do governo no primeiro semestre. 18% responderam “nada” à pergunta sobre o que de pior havia feito a atual gestão. Entre os evangélicos, o número vai a 22% e entre os maiores de 60 anos, a 25%. Outros 36% consideram o governo “bom ou ótimo”.

A medida mais lembrada como negativa foi o decreto das armas, com 21%. 19% não souberam responder a pergunta. A reforma da Previdência foi desaprovada por 12% dos entrevistados e a imagem pública foi criticada por 9%. Este último quesito inclui declarações consideradas desnecessárias e/ou ofensivas, relação com os filhos e articulação política, explicou o instituto. Cortes na Educação foram citados por apenas 3% dos entrevistados.

O Datafolha informou que entrevistou 2.086 pessoas, de 16 anos ou mais, em 130 cidades do Brasil. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos, e o índice de confiança é de 95%.

Correio Braziliense

Economia

Prefeito viabiliza instalação da fábrica da Huawei em São Gonçalo do Amarante

PREFEITO APRESENTOU PROPOSTAS DE INCENTIVOS E VANTAGENS PARA INSTALAÇÃO DE UNIDADES FABRIS OU CENTRO DE DISTRIBUIÇÃO REGIONAL EM SÃO GONÇALO DO AMARANTE. FOTO: JOSÉ ALDENIR

O prefeito de São Gonçalo do Amarante, Paulo Emídio de Medeiros, apresentou proposta para que a empresa chinesa Huawei, multinacional de equipamentos para redes e telecomunicações, possa instalar fábrica no município da região metropolitana de Natal.

O prefeito apresentou propostas de incentivos e vantagens para instalação de unidades fabris ou centro de distribuição regional em São Gonçalo do Amarante.

Representantes da marca chinesa estudam realizar plano de expansão da empresa no Brasil. A Hauwei tem fábricas instaladas em São Paulo e no Amazonas.

“Também conseguimos o compromisso de uma parceria para programas de qualificação profissional para os jovens de São Gonçalo, com o apoio da empresa, a exemplo do que ela tem feito em outros países”, disse o prefeito.

Dados do setor de tecnologia da informação (TI) apontam que há um déficit de 500 mil vagas para técnicos no mercado, por falta de pessoas qualificadas para a área.

Agora RN

Cidades

Detran forma nova turma no Curso de Atualização Profissional de Motofretista

O CURSO DE ATUALIZAÇÃO É DIVIDIDO EM DOIS MÓDULOS, SENDO O PRIMEIRO TEÓRICO E O SEGUNDO PRÁTICO. FOTO: DIVULGAÇÃO

O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) concluiu o processo de atualização de mais uma turma de motofretistas da capital. O curso realizado gratuitamente pela Escola Pública de Trânsito do Detran (Eptran) contabiliza sua quarta edição durante este ano, sendo duas qualificações direcionadas a atualização da conduta dos profissionais do motofrete e outras duas turmas de formação do agente que vai atuar na entrega de mercadoria utilizando motocicleta.

O trabalho desenvolvido pela Eptran tem o foco na formação do profissional levando em consideração a prevenção de acidentes no trânsito, buscando zelar pela segurança no tráfego e pela preservação da vida. A iniciativa vai ser continuada durante todo este ano com a formação de novas turmas de atualização e capacitação, que também devem ser levadas as cidades do interior do Rio Grande do Norte.

O Instrutor do Detran Especializado em Curso de Capacitação de Motofrete e Mototáxi, Ueyder Cabral, destacou a responsabilidade que o profissional de motofrete deve ter, já que, além de ser a motocicleta um transporte vulnerável a ocorrência de acidentes, a mesma estará com carga, o que muitas vezes dificulta manobras rápidas e urgentes. “O curso concede aos profissionais a oportunidade de atualizar conceitos por meio de instruções teóricas e práticas realizadas no decorrer do processo de aprendizagem”, comentou.

O Curso de Atualização é dividido em dois módulos, sendo o primeiro teórico e o segundo prático. Na disciplina teórica são abordadas informações de Transporte de Cargas, debatendo o conteúdo da legislação específica de motofrete, procedimentos para o transporte de cargas, verificação e manutenção do veículo para a pilotagem segura e informações de logística.

Já no módulo prático, os motofretista aprendem sobre a Prática Veicular Individual para o Transporte de Cargas. Nesse sentido, são informados sobre a verificação regular do veículo, uso adequado dos equipamentos de segurança, acondicionamento de cargas e técnicas de postura corporal de prevenção de acidentes na condução do veículo.

Os interessados nos cursos de Atualização ou Capacitação de Motofretista devem procurar a Unidade Técnica-pedagógica da Eptran, situada na sede administrativa do Detran, na Rua Perimetral Leste, 113, bairro de Cidade da Esperança, Natal-RN.

Cidades

Parnamirim foi a cidade mais afetada, com nove pontos de distribuição de leite suspensos pelo MPRN

TAMBÉM FOI RECOMENDADO QUE SEJA COMPATIBILIZADA A QUANTIDADE DE LEITE COMPRADO JUNTO AOS PRODUTORES, DIANTE DA REDUÇÃO DOS PONTOS DE DISTRIBUIÇÃO. FOTO: DIVULGAÇÃO

O Programa do Leite Potiguar, ação que distribui o alimento gratuitamente para 164 dos 167 municípios no RN, teve 19 pontos de distribuição suspensos. As cidades atingidas foram Caiçara do Norte, Goianinha, Currais Novos, João Câmara, Lajes Pintadas, Parnamirim, Santa Maria, São Gonçalo do Amarante, São Pedro, São José do Seridó, e São José de Mipibu.

Parnamirim foi a cidade mais afetada, com nove pontos de distribuição citados. A medida de decorreu de recomendação do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), pedindo essa suspensão parcial para o Programa do Leite Potiguar. De acordo com portaria publicada nesse sábado (20), os locais passíveis de suspensão não possuíam condições sanitárias adequadas.

A suspensão recomendada deveria permanecer até que os problemas apontados nos pontos de distribuição fossem resolvidos. As inconformidades foram verificadas pelos órgãos municipais de Vigilância em Saúde (Visa) e pela Superintendência de Vigilância em Saúde (Suvisa).

Também foi recomendado que seja compatibilizada a quantidade de leite comprado junto aos produtores, diante da redução dos pontos de distribuição, com o objetivo de evitar dano ao patrimônio público. E que a medida poderia ser aplicada “aos demais pontos de distribuição do leite potiguar julgados inadequados pelas Visas Municipais e pela Suvisa”.

As promotoras que assinam a recomendação, Maria Danielle Simões Veras Ribeiro e Iara Maria Pinheiro de Albuquerque, pediram ainda que fosse elaborado um plano operacional relativo à distribuição do leite. “Visando a eficiência e a eficácia da política (….) e a proteção do patrimônio público e da saúde pública”, justificaram.

Ainda de acordo com a recomendação, do total de 332 pontos de distribuição, 274 recebem o alimento apenas uma vez por semana. A recomendação observa que a própria Secretaria de Assistência Social (Sethas) já havia apurado “inúmeras irregularidades de ordem sanitária e de violação ao patrimônio público nas fiscalizações operadas”.

Governo afirma que já regularizou 7 dos 19 pontos suspensos

A recomendação é do dia 16 de julho, mas só foi publicada sábado (20).  As promotoras deram dez dias para que o pedido fosse cumprido. De acordo com o governo do estado, dos 19 pontos incluídos na recomendação de suspensão, sete já foram regularizados. De acordo com a Sethas, os demais postos já estão em processo de regularização.

“A suspensão é temporária e atende a uma recomendação do Ministério Público Estadual, cujo inquérito foi iniciado em 2017 a partir de diagnósticos feitos pela vigilância sanitária dos municípios”, explicou a secretária Íris Oliveira (Sethas), ressaltando que a população não será prejudicada. A previsão é de que no início de agosto todos os postos suspensos tenham sido reorganizados e estejam em pleno funcionamento.

O Programa Leite Potiguar atende 83.218 famílias. O leite é garantido a grupos familiares com crianças de um a sete anos ou com idosos acima de 60 anos e renda per capita de até R$ 89. Essas famílias têm direito a cinco litros de leite por semana. O Programa tem um investimento anual de R$ 50 milhões e é financiado com recursos do Fundo Estadual de Combate à Pobreza (FECOP).

Política

Em ‘namoro com o PT’, pedetista Ciro Gomes chama Bolsonaro de “Magda das milícias”

EX-PRESIDENCIÁVEL CIRO GOMES REPUDIOU DECLARAÇÃO DE BOLSONARO EM RELAÇÃO AOS GOVERNADORES DO NORDESTE E O ATACOU NO TWITTER. FOTO: R7

Depois de uma relação desgastada nas eleições de 2018, muitos acreditam que a relação entre o ex-presidenciável Ciro Gomes (PDT) e o Partido dos Trabalhadores estava definitivamente rompida. Já o deputado federal Chico D’Angelo (PDT-RJ), não acredita que o quadro seja irreversível.

“Não tenho dúvidas, Ciro é um quadro que foi ministro de Lula, governador, prefeito de capital, que tem um temperamento forte, mas que está viajando o Brasil inteiro, e é extremamente qualificado”, disse o deputado.

Enquanto isso, Ciro disparou contra o presidente Jair Bolsonaro no Twitter: “Cala a boca Magda das milícias! “Não existe fome no Brasil”, “vai privilegiar o filho”, chama de “Paraíba” toda uma região com mais 30 milhões de habitantes, ataca um dos melhores governadores e, irresponsavelmente, determina perseguição ao povo de um Estado…”.