Ele havia anunciado no mesmo perfil nesta tarde que pagaria ontem (10) e hoje (11) o salário de dezembro dos servidores municipais. “Apesar de dirigentes sindicais tentarem impedir pagamento, Prefeitura vai pagar seus servidores hoje e amanhã”, escreveu o prefeito em sua página na rede social, mas agora voltou atrás. Ele também anunciou que a prefeitura está entrando na Justiça contra a ocupação dos servidores para conseguir realizar os pagamentos.

 No início da tarde, ele iniciou a série de postagens sobre a ocupação dizendo que não haveria como pagar a folha de dezembro a partir desta terça-feira, como havia informado, por causa da ocupação realizada por cinco sindicatos de servidores municipais na Secretaria de Administração durante a manhã. Os grevistas continuam dentro do prédio e não têm previsão de saída. Os serviços foram suspensos.

No final da manhã ele lamentou o ato dos servidores, em greve há dois meses, ao qual chamou de “radical” e afirmou que o pagamento não seria possível. “Lembrando que pagamos o décimo integral dia 16/12 e salários de dezembro para 70℅ dos servidores na primeira semana de Janeiro”, disse o prefeito. Servidores que ganham entre R$ 2 mil e R$ 4 mil tinham previsão de pagamento para esta terça. A prefeitura de Natal encaminhou uma nota informando que o pagamento não seria possível porque os dados bancários têm que ser encaminhados ao Banco do Brasil – procedimento que se tornou inviável por conta da ocupação.

Fonte: Novo Jornal