ELEIÇÕES 2020

Nível de abstenção no 2º turno é de 29,47%, o maior da história, revela TSE

EXPECTATIVA ERA DE ABSTENÇÃO ELEVADA EM DECORRÊNCIA DA PANDEMIA DO NOVO CORONAVÍRUS. FOTO: ILUSTRAÇÃO

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, informou na noite deste domingo (29/11) que 29,47% do eleitorado brasileiro se absteve do segundo turno das eleições municipais deste ano. No primeiro turno, o percentual foi de 23,14%.

Nas eleições municipais de 2016, a abstenção no segundo turno foi de 21,6%. Em 2012, de 19,11%. Nas eleições presidenciais de 2018, a abstenção no primeiro turno ficou em 21,30%.

“O índice de abstenção no segundo turno – que tradicionalmente é superior ao do primeiro – foi de 29,47% com os números que tínhamos até agora faltando [a conclusão da apuração no] estado do Acre. É um número maior do que desejaríamos, mas é preciso ter em linha de conta que realizamos eleições em meio à pandemia que já consumiu 170 mil vidas, e as pessoas com temor, muitas por estarem com a doença, muito por estarem com medo”, disse Barroso.

Candidatos e eleitores no 2º turno

Segundo o Tribunal Superior Eleitoral, o número de candidatos, entre prefeitos e vice-prefeitos, no segundo turno, foi de 114.

No total, o pleito deste ano teve 557.394 candidatos – número recorde–, dos quais 96,65% foram declarados aptos.

Do outro lado, de acordo com o TSE, 38 milhões de eleitores estiveram aptos a participar do segundo turno neste domingo.

Mterópoles


Comente aqui