Saúde

Ney Lopes Jr. denuncia fim das atividades presenciais da Amil no Procon

PRÉDIO DA AMIL NA AVENIDA PRUDENTE DE MORAIS

O Vereador Ney Lopes Júnior esteve na sede do Procon Natal, na tarde desta quarta-feira, 9. Na ocasião, o parlamentar entregou a representação contra o plano de saúde Amil, que encerrou as atividades presenciais na capital potiguar. A empresa alegou queda nos serviços e afirma que manterá as atividades via internet e telefone.

A ação do Vereador é motivada na Resolução Normativa nº 395 da Agência Nacional de Saúde Suplementar, que explica em seu artigo 6º que “As operadoras deverão disponibilizar unidade de atendimento presencial, de que trata o inciso I do art. 5º, no mínimo nas capitais dos Estados ou regiões de maior atuação dos seus produtos, ao menos no horário comercial dos dias úteis”.

Durante o encontro o Vereador falou sobre as dificuldades que o fim das atividades proporciona aos consumidores. “É importante destacar que não são todos que possuem acesso ou facilidade na utilização dos serviços digitais. O atendimento presencial é necessário e facilita a vida dos consumidores. Também estamos entrando com a representação no Ministério Público do Consumidor. Devemos lutar para defender esses direitos, que são constantemente desrespeitados”, explicou.


Deixe um Comentário