Cultura

Natal Recebe Turnê Virtual do Monólogo ‘Cartas Libanesas’

FOTO: DIVULGAÇÃO

Aprovado pelo Edital ELETROBRAS FURNAS, através do Projeto “Cartas Libanesas – A Imigração na Formação do Brasil” e aclamado pela crítica, o espetáculo “Cartas Libanesas” é a história de um mascate, contada por um ator mascate que resgata suas próprias histórias para refletir sobre a imigração.

Este ano o espetáculo – de autoria de José Eduardo Vendramini e direção de Marcelo Lazzaratto – retorna, com adaptação textual e uma nova roupagem para o audiovisual, com direção de vídeo de Flávio Barollo e roteiro de Eduardo Mossri, Karen Menatti e Flavio Barollo – passará virtualmente por cinco estados do Nordeste, além do Rio de Janeiro, tendo as apresentações de estreia voltadas para o público do RN, entre os dias 01 e 03 de outubro, com distribuição gratuita de ingressos, até o dia 30 de setembro, através da plataforma Sympla.

Construído em 2009, a partir de cartas que a avó recebia do avô de Eduardo, com a contribuição de relatos verídicos de outros imigrantes libaneses, o monólogo conta a história de Miguel, um jovem libanês que vem para o Brasil com o intuito de prosperar e voltar à sua terra, onde deixou sua esposa grávida. Ao mesmo tempo em que se encanta com o Brasil, o personagem precisa enfrentar o preconceito, as dificuldades com a língua e a saudade da família e da terra-mãe. Após anos de sofrimento e trabalho, Miguel decide convencer a mulher a vir morar com ele no novo país.

Eduardo fala sobre os desafios da nova turnê: “Em todo trabalho que eu faço, meu grande objetivo é fazer com que ele possa circular, gosto de ver ele chegar aos mais diferentes públicos, inclusive visando sair do eixo Rio – São Paulo. Infelizmente uma pandemia mundial inviabilizou essa circulação presencial, mas assim como toda a classe artística, fomos desafiados a arranjar formas de seguir e, essa versão de “Cartas Libanesas” online é uma resposta a isso, criando uma obra totalmente inédita e tão potente quanto. E quando for possível, voltaremos a encher teatros e a circular nos mais diferentes estados. Esse desejo em mim não muda!”

O espetáculo tem trilha inédita composta especialmente por Gregory Slivar e figurino de Fause Haten, e sua narrativa tangencia temas políticos, como a imigração e os choques culturais que formam o Brasil, mostrando a importância da trajetória de grupos de outras nações na formação do país.

A comunidade libanesa que vive no Brasil, formada em sua maioria por descendentes, obtém a marca expressiva de ser maior do que a própria população do Líbano. São quase 10 milhões de libaneses e descendentes em território brasileiro, e 3,5 milhões no Líbano. Em 2020, o início oficial da imigração árabe no Brasil, com chegada dos primeiros imigrantes, completou 140 anos.  Muitos se tornaram figuras emblemáticas de grande importância na sociedade brasileira com forte representatividade no comércio, na indústria, na medicina, na política e na cultura.

Em tempos em que questões imigratórias estão tão fortes, “Cartas Libanesas” é uma história de amor e gratidão a todos aqueles que imigraram e enriqueceram a nossa identidade cultural.

Além das apresentações online, a turnê contemplará ainda o bate-papo on-line “Prosa com o Ator”, um diálogo informal entre o ator Eduardo Mossri e um representante de cada estado por onde a peça circulará.  Em Natal o bate-papo será no dia 29 de setembro, via plataforma Zoom, tendo como convidada a atriz Titina Medeiros, e a discussão será baseada em temas presentes no espetáculo, como: imigração, memória, ancestralidade, identidade e direitos humanos. Passando ainda pelo fazer teatral e o papel da arte como reflexão da história e a construção de um povo, ampliando o olhar, a diversidade cultural e a representatividade, promovendo também a aproximação do público com o teatro, confirmando o potencial da arte em ser educadora e colaboradora diante de uma realidade social. O público-alvo será estudantes e docentes de instituições públicas, tendo como um dos contemplados o IFRN.

Outra atividade será  o Workshop “O Ator Contador de Suas Memórias” , a ser realizado no dia 30 de setembro, das 14h às 17h, tendo como público-alvo atores e não atores, a partir de 18 anos, residentes no Rio Grande do Norte. No workshop o ator Eduardo Mossri relaciona a sua pesquisa no processo de criação do espetáculo “Cartas Libanesas”, para promover o resgate de histórias pessoais e a escrita dramática, como estímulo do imaginário pessoal e criativo do ator. A ideia é compartilhar com estudantes, atores profissionais ou não profissionais, algumas dinâmicas, jogos e técnicas pré-expressivas, que possam contribuir na reflexão de suas próprias experiências, memórias e ancestralidade, como um dos caminhos no fazer teatral. As inscrições são gratuitas e limitadas e podem ser feitas até o dia 28 de setembro, no link.

A nova temporada do espetáculo “Cartas Libanesas” é uma realização da BOBOX Produções, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal, com o patrocínio da Lei de Incentivo à Cultura e ELETROBRAS FURNAS, e o apoio cultural do Museu da Imigração e Museu do Café do Estado de São Paulo.


Comente aqui