CARNAVAL 2020

“Não é não para mulher também”, diz Toni Garrido após ser assediado no Carnaval de Natal

TONI GARRIDO FICOU INCOMODADO COM ASSÉDIO. FOTO: JOÃO MARIA ALVES

O cantor Toni Garrido foi assediado durante o último show do Carnaval em Natal, no polo Petrópolis, na noite dessa terça-feira (25). O episódio aconteceu após o músico descer do palco para pedir que os foliões parassem com um tumulto que estava acontecendo e, ao fazer o trajeto de volta para o palco, uma foliã apertou o glúteo de Toni. Incomodado com o ato de assédio, ele falou “aprendemos com as mulheres que ‘não é não’ e serve para todo mundo, para as mulheres também”.

Ele continuou “você acabou de tocar em uma parte íntima minha sem nenhuma liberdade, totalmente abusiva”, disse enquanto afastava a assediadora que tentava se desculpar. No discurso, o cantor carioca ainda lembrou a importância de respeitar as pessoas e o corpo delas durante o carnaval, independente de ser homem ou mulher. Toda a confusão foi gravada pela jornalista Suzy Noronha que flagrou o momento exato do assédio.

Portal da Tropical



Comente aqui