Cidades

MP pede fim de bloqueio na entrada de Sagi feito por moradores da comunidade por causa do coronavírus

FOTO: CEDIDA

O Ministério Público pediu para que o bloqueio montado por moradores na entrada da comunidade de Sagi, no litoral Sul potiguar, seja desmontado. A população resolveu fazer a barreira por conta própria na segunda-feira (23), para evitar a entrada de pessoas na localidade e impedir a propagação do novo coronavírus. Para o MP, a medida não serve de garantia para proteção contra o vírus.

A barreira com placas informativas, cones de trânsito, galhos de árvores, tonéis e uma barraca foi improvisada na entrada da comunidade no início da semana para impedir a passagem de turistas. Os moradores se dividiram em grupos e se revezavam 24 horas no local.

No entanto, a estrutura já foi desmontada, após o pedido do Ministério Público. Segundo a Associação de Moradores de Sagi, os membros da comunidade ainda se mantém no local, mas para orientar quantos à prevenção ao vírus.

“Esse pedido no pedido público foi um banho de água fria. Como é que vai ficar a nossa cidade, sem o menor respaldo? Mesmo porque somos uma praia turística e estamos a mercê de entrar qualquer pessoa. Não temos apoio do poder público”, reclama Maria da Conceição Cardoso, presidente da Associação.

G1RN



Deixe um Comentário