Cidades

Mais um luto na imprensa do RN: Morre aos 80 anos o ex-presidente da ACERN, radialista Horácio Pedroza

NAS DÉCADAS DE 60 E 70, HORÁCIO FOI CONSIDERADO O MAIOR PLANTÃO DE ESTÚDIO DO RÁDIO POTIGUAR. FOTO: DIVULGAÇÃO

Morreu na noite dessa quinta-feira, aos 80 anos, o radialista Horácio Pedroza, sócio-fundador do Sindicato dos Radialistas do RN e ex-presidente da Associação dos Cronistas Esportivos do Rio Grande do Norte (ACERN), também conhecido como o “professor dos plantões”.

Horácio foi o segundo plantão esportivo de Natal, trabalhando na Rádio Poti.

Ele estava internado no Hospital São Lucas, onde foi submetido a uma cirurgia na tarde de de ontem, mas não resistiu. Segundo o seu filho, radialista Ciro Pedroza, “a rádio do céu ganhou o mais novo plantão”.

Nas décadas de 60 e 70, Horácio foi considerado o maior plantão de estúdio do rádio potiguar e um dos grandes do Nordeste.

O velório está marcado para ocorrer às 8h, no Centro de Velório São José, em Lagoa Seca, e o sepultamento, às 16h, no cemitério Morada da Paz Norte, em Extremoz.

Na segunda-feira passada, a imprensa esportiva potiguar esteve de luto pela morte do repórter Francisco Inácio Sobrinho, o Chico Inácio, da 98FM.


Deixe um Comentário