Jurídico

Justiça bloqueia salários do prefeito e secretários de Macau para pagamentos de servidores

O PREFEITO DE MACAU-RN, TULIO LEMOS, TEVE O SALÁRIO BLOQUEADO PELA JUSTIÇA DO TRABALHO

O prefeito de Macau, Tulio Lemos e os secretários do município terão os salários bloqueados. A decisão foi tomada na manhã de hoje pelo juiz da Vara do Trabalho da Comarca de Macau, Higor Marcelino Sanches,  como resultado do julgamento de uma ação trabalhista movida por um funcionário contratado pela Prefeitura de Macau.A justiça determinou o bloqueio do salário do prefeito e de todos os secretários municipais daquela cidade até o montante de R$ 400 mil. Cabe recurso.

Mais de 30 trabalhadores também ingressaram com ações trabalhistas solicitando o pagamento de salários atrasados. “Trabalhadores sem receber suas verbas mais básicas, como salários dos últimos seis meses. A situação chegou a um estado crítico. Determino o imediato bloqueio do valor de R$ 400 mil, já que cada trabalhador tem, em média, um crédito salarial de R$ 15 mil a receber”, escreveu o juiz Higor Marcelino.

Com a decisão, o Banco do Brasil está impedido de pagar os salários do prefeito e dos secretários de Macau.



Deixe um Comentário