Governo Polícia

Ingerência de Galeno Torquato foi a gota d´água para Lagreca pedir demissão da Saúde

ALIADO DO GOVERNADOR ROBINSON FARIAS, GALENO TORQUATO FOI PIVÔ DA DEMISSÃO DO SECRETÁRIO DE SAÚDE

ALIADO DO GOVERNADOR ROBINSON FARIAS, GALENO TORQUATO FOI PIVÔ DA DEMISSÃO DO SECRETÁRIO DE SAÚDE

As constantes ingerências políticas do deputado estadual Galeno Torquato na Secretária de Saúde do Estado foram à gota d´água para que o médico Ricardo Lagreca pedisse demissão do cargo de Secretário de Saúde. As pressões do parlamentar ligado ao governador Robinson Farias vinham, há muito tempo, irritando o titular da pasta, um dos mais conceituados profissionais da medicina do Rio Grande do Norte, cuja gestão conquistou vários avanços na saúde pública estadual, apesar das inúmeras dificuldades enfrentadas pelo setor.

Uma das questões que mais acelerou a saída de Lagreca do governo foi o fato de Galeno Torquato, rotineiramente, passar por cima, no Hospital Dioclécio Marques, em Parnamirim, da ´Regulação´ da SESAP, uma espécie de triagem que identifica os pacientes com problemas de saúde mais relevantes para estes tenham acesso prioritário a cirurgias ou internamento em UTI´s.

Além de Torquato, embora com frequência menor, o deputado estadual Carlos Augusto Maia também se utilizava da força política de parlamentar governista para furar a fila e passar a frente os seus protegidos, em detrimento de pacientes com prioridades mais relevantes.

CARLOS AUGUSTO ROSADO TAMBÉM SE UTILIZAVA DO ARTOFÍCIO DE FURAR FILA NO HOSPITAL DIOCLÉCIO MARQUES

CARLOS AUGUSTO TAMBÉM SE UTILIZAVA DO ARTIFÍCIO DE FURAR FILA NO HOSPITAL DIOCLÉCIO MARQUES

Isso doutor Lagreca não aceita, mais eles ficavam fazendo pressão junto ao governador, que por sua vez faz o jogo político. Se há uma coisa que irrita bastante ele, é essa questão de ingerência política, explicou uma fonte fidedigna, que nutre da confiança pessoal do ex-secretário.

Ao decidir entregar o cargo, Lagreca fez um desabafo aos colaboradores mais próximos: Para mim não dá mais. Chega. Já dei a minha cota e o governador vai ficar livre para encontrar uma pessoa do perfil que ele espera encontrar.

Além da ingerência política, o ex-secretário também estava se sentido desrespeitado pelo governador, que estaria nos bastidores fazendo convites para substituí-lo. Um dos nomes que teve conhecimento que teria sido convidado por Robinson foi o do médico Paulo Xavier, dirigente do Hospital Varela Santiago, que prontamente recusou a oferta. A pasta também teria sido ofertada ao próprio Galeno, mas este não aceitou o desafio.

Um dos legados deixado por Lagreca, na Sesap, é a aquisição em regime de cessão, sem nenhum custo para o Estado, de um software de gestão hospitalar da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares. Além disso, Lagreca tencionava implantar na Saúde um projeto exitoso de Policlínicas que conheceu recentemente em Russas (CE). O projeto, de grande relevância para as demandas por especialidades oriundas da Atenção Básica, dependeria apenas de financiamento do Banco Mundial, que já mantém parceria com o governo através do programa RN Sustentável.

EX-SECRETÁRIO RICARDO LAGRECA DISSE ´BASTA´PARA A INGERENCIA POLÍTICA NA SESAP

EX-SECRETÁRIO RICARDO LAGRECA DISSE ´BASTA´PARA A INGERÊNCIA POLÍTICA NA SESAP


1 Comentário

  • DR. RICARDO LAGRECA FEZ BEM EM ENTREGAR O CARGO DE SECRETÁRIO DE SAÚDE DE ESTADO, NÃO SE FAZ SAÚDE PUBLICA COM POLITICAGEM, PARABÉNS AO DR. R. LAGRECA POR NÃO ACEITAR INGERÊNCIA DE PARLAMENTAR QUE SE ACHA QUE PODE FAZER O QUE QUER.

Deixe um Comentário