Segurança

Guarda Municipal de Natal também está na linha de frente contra o coronavírus

FOTO: ALEX RÉGIS

Não são só os profissionais da saúde que estão se dedicando em tempo integral ao enfrentamento da Covid-19 em Natal. Desde o início do período de crise sanitária, a Guarda Municipal tem atuado de maneira efetiva em diversas frentes. As operações deflagradas pela Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes), por meio do Comando da GMN, compreendem desde ações de apoio à fiscalização do cumprimento dos decretos municipais, no intuito de prevenir infecções, até ações humanitárias de organização, cadastramento, segurança e distribuição de cestas de alimentos a famílias vulneráveis.

As atividades de fiscalização também estão cada vez mais fortes com o apoio das guarnições da GMN. Com a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur), o patrulhamento está percorrendo todas as feiras livres da capital, orientando e inibindo transgressões ao decreto municipal. Esta semana, o trabalho foi executado na feira do Carrasco, no bairro das Quintas, Zona Oeste da capital.

Nesse tipo de trabalho, quando a fiscalização encontra irregularidades, os proprietários são notificados de maneira educativa, informando sobre a legislação, o objetivo e as punições. “Somente em casos de reincidência é que são empregadas medidas de punição”, explica a secretária Mônica Santos, titular da Semdes.

A presença dos agentes da GMN é notada em todas as atividades realizadas pelas secretarias municipais. Nessa situação de pandemia, a Guarda vem dando suporte em várias frentes distintas, como na distribuição de cestas de alimentos realizadas pelas Secretaria Municipais de Educação (SME), e de Trabalho e Assistência Social (Semtas), Semurb e Procon Natal.

O comandante da GMN, Alberfran Grilo, explicou que as guarnições estão atuando 24 horas em um leque de procedimentos que envolvem a segurança do cidadão dentro da cidade e o sustentáculo a medidas humanitárias que estão sendo levadas pela Prefeitura as populações mais carentes. “A Guarda é um suporte importante nas ações desenvolvidas pelas secretarias municipais, principalmente nesse momento de pandemia. Nossa missão é a prevenção. Nós não podemos, mas o cidadão que pode fique em casa e cuide de quem você ama”, indica o comandante.

O cidadão pode denunciar qualquer desrespeito aos decretos de combate à Covid-19 ligando para o telefone 190, do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp), e as viaturas da GMN são acionadas para averiguar a denúncia. A denúncia pode ser feita também no 3616-9829 (Ouvidoria da Semurb), no horário das 8h às 12h, ou pelo 181 (Disk Denúncia- Polícia Civil).


Comente aqui