Economia

Grupo Riachuelo quer ampliar projeto que beneficia oficinas de costura no semiárido potiguar

INICIATIVA OCORRE ATRAVÉS DE PARCERIA ESTABELECIDA ENTRE O SEBRAE NO RIO GRANDE DO NORTE, PARCEIROS LOCAIS E O GRUPO GUARARAPES. FOTO: AGÊNCIA SEBRAE-RN

O êxito do projeto Pró-sertão, que beneficia oficinas de costura instaladas no semiárido potiguar, através de parceria estabelecida entre o Sebrae no Rio Grande do Norte, parceiros locais e o grupo Guararapes, gigante do varejo têxtil e de confecções de roupas da América Latina, inspirou uma parceria com o recém-criado Instituto Riachuelo. O propósito do projeto é fomentar oficinas de costura, grupos de bordadeiras da região do Seridó e de artesãos, alavancando a produção e a comercialização dos seus produtos em todo o país. Com isso, pretende contribuir com o desenvolvimento local e a melhoria da qualidade de vida da população

Os aviamentos para a concretização dessa parceria tiveram início no final do ano passado com a participação do diretor técnico do Sebrae-RN, João Hélio Cavalcanti, e no fim de fevereiro o diretor do Instituto Riachuelo, empresário Gabriel Rocha Kanner, e a empresária Anne Rocha, estiveram reunidos com o diretor superintendente do Sebrae-RN, José Ferreira de Melo Neto, a gerente da Unidade de Desenvolvimento Setorial do Sebrae-RN, Lorena Roosevelt, e a equipe técnica das áreas de moda e economia criativa. Na realidade, segundo Gabriel Rocha, a parceria é uma ampliação do trabalho que já vem sendo feito em conjunto há anos entre o grupo Guararapes e o Sebrae, através do projeto Pró-sertão, que atende 74 oficinas de costura no estado.

O jovem empresário paulista lembra que a missão do Grupo Riachuelo é transformar vidas por meio da geração de emprego e renda e que tem tudo a ver com o propósito do Sebrae no trabalho de fomento ao empreendedorismo, oferecendo as ferramentas para que o pequeno empreendedor possa se desenvolver. “Estamos construindo em conjunto e eu não tenho dúvida que será um grande projeto com impacto para o Rio Grande do Norte, sobretudo no interior do estado em três segmentos: o das oficinas de costura, elevando, ainda mais, o nível dos fornecedores e preparando-os para serem mais competitivos; o bordado da região do Seridó, especialmente de Caicó e Timbaúba dos Batistas, que é referência nacional com a conquista do selo IG (Indicação Geográfica) e pode ser trabalhado para ser vendido nacionalmente, e o terceiro é o artesanato presente em todo o estado, o qual pretendemos apoiar o desenvolvimento de novos produtos e dos próprios fornecedores, que podem alavancar o interior do estado, gerando emprego e renda, dando mais oportunidade para os trabalhadores”, afirma.

Na visão do diretor superintendente do Sebrae-RN, José Ferreira de Melo Neto, a parceria com o Instituto Riachuelo já nasce forte porque é decorrente de uma sólida e bem sucedida parceria entre o Sebrae e a Guararapes no projeto Pró-sertão, responsável pelo fortalecimento da indústria têxtil norte-rio-grandense. “As nossas expectativas são as melhores possíveis. Estamos confiantes que essa parceria com o Instituto Riachuelo trará muitos benefícios às famílias de sertanejos que terão uma grande oportunidade de garantir o sustento. O apoio à produção e comercialização dos produtos é essencial para que os pequenos negócios do interior do estado se tornem mais competitivos e sustentáveis”, defende Melo.

Com informações do Portal Grande Ponto


Comente aqui