CORONAVÍRUS

Governadores do NE prometem manter medidas e cobram liderança de Bolsonaro; Fátima Bezerra divulga Carta na íntegra

CHEFES DE ESTADOS DA REGIÃO DISSERAM TEREM FICADO ‘FRUSTRADOS COM POSICIONAMENTO AGRESSIVO’ DO PRESIDENTE. FOTO: REPRODUÇÃO/TWITTER

Depois de se reunirem por videoconferência na tarde desta quarta-feira para discutir o pronunciamento feito na véspera por Jair Bolsonaro, os governadores dos nove estados do Nordeste divulgaram carta em que se disseram “frustrados com o posicionamento agressivo do presidente”, cobraram liderança e se comprometeram a manter as medidas para evitar a propagação do coronavírus.

“Ficamos frustrados com o posicionamento agressivo da Presidência da República , que deveria exercer o seu papel de liderança e coalizão em nome do Brasil “, afirma o documento.

Os governadores também disseram que o momento vivido pelo país por causa do coronavírus “é gravíssimo”. “Vamos manter as medidas preventivas gradualmente revistas de acordo com os registros”, disse.

Na manhã desta quarta-feira, em entrevista na saída do Palácio do Alvorada, Bolsonaro havia afirmado que “alguns poucos governadores estão fazendo no Brasil alguns poucos governadores e alguns poucos prefeitos é um crime, estão arrebentando com o Brasil, estão destruindo os empregos”.

Agora, à tarde, haverá uma reunião do Fórum dos Governadores, com os representantes dos 26 estados e do Distrito Federal.

iG



Deixe um Comentário