Sem categoria

Gerentes de UBS participam de capacitação sobre sistema de regulação interno do município

A REDE MUNICIPAL DE ATENÇÃO PRIMÁRIA DE SAÚDE JÁ ESTÁ 100% INFORMATIZADA, POSSIBILITANDO A INSTALAÇÃO DO SISTEMA INTEGRADO. FOTO: DIVULGAÇÃO

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) realizou, nesta sexta-feira, 5, capacitação com os gerentes e diretores das Unidades Básicas de Saúde (UBS) de São Gonçalo do Amarante para a instalação do sistema de regulação interno do município. Dentro do programa Saúde Melhor, o Prontuário Eletrônico do Cidadão, pioneiro no Rio Grande do Norte, possibilitará o acesso a marcação de consultas e recebimento de exames por parte da população, através de um aplicativo.

Foram investidos 1,7 milhão de reais na instalação do novo sistema, aquisição de computadores, scanners e painéis eletrônicos nas unidades de saúde. Os gestores das UBS terão acesso ao Sistema Integrado de Gerenciamento de Usuários do SUS (Sigus) e poderão gerenciar virtualmente as demandas que atualmente são entregues de forma presencial na sede da SMS.

O novo modelo de gestão da saúde no município está sendo referência para outras cidades do nordeste, como João Pessoa e Maceió, que já entraram em contato o secretário Jalmir Simões. “Esse sistema foi desenvolvido para facilitar, modernizar e desburocratizar as ações do cotidiano em nossas unidades”, destaca.

A rede municipal de atenção primária de saúde já está 100% informatizada, possibilitando a instalação do sistema integrado.

Saúde Melhor

O programa “Saúde Melhor” visa promover uma série de melhorias estruturais e operacionais dos serviços oferecidos, com o intuito de assegurar mais qualidade no atendimento à população. Dentre as melhorias, está a adoção de tablets para todos os agentes de saúde do município. Os equipamentos já foram entregues aos profissionais. Com os aparelhos, os agentes poderão sincronizar e atualizar os dados coletados para o sistema adotado pela Secretaria Municipal de Saúde, facilitando inclusive o processo para marcação de consultas e territorialização.


Comente aqui