Mundo

Foto de jornal espanhol mostra mala com os 39 kg de cocaína apreendidos em avião da FAB

A mala pertencia ao sargento Manoel Silva Rodrigues. Foto: Divulgação/ El País

Pouco mais de uma semana após a apreensão de 39 quilos de cocaína em avião da Força Aérea Brasileira (FAB), imagem da mala onde estava o material foi divulgada. Ao todo, o entorpecente estava distribuído em 37 malas, embalado em fita de cor amarelada. A fotografia, obtida com exclusividade pelo jornal El País, foi feita pela alfândega, no Aeroporto Internacional de Sevilha, na Espanha, onde o caso foi revelado.

A mala pertencia ao sargento Manoel Silva Rodrigues, 38. O militar foi detido na terça-feira, 25, durante escala para o voo que seguia para o Japão, em comitiva de apoio à viagem do presidente Jair Bolsonaro à cúpula do G-20.

Autoridades da Guarda Civil da Espanha avaliaram em 1,3 milhão de euros (cerca de 5,6 milhões de reais) os 39 kg de cocaína. As autoridades investigam se a cocaína ficaria na Espanha e avaliam que Silva poderia ser uma “simples mula de uma organização de traficantes”.

O sargento cumpre agora prisão provisória decretada por um tribunal de Sevilha, sem possibilidade de fiança, acusado de crime contra a saúde pública.

A FAB instaurou Inquérito Policial Militar (IPM) para esclarecer o fato e que as investigações seguirão em sigilo.

El País


Deixe um Comentário