Educação

Escola de Parnamirim recebe prêmio de melhor biblioteca escolar do Brasil

A PREMIAÇÃO ACONTECEU NA NOITE DESSA QUARTA-FEIRA, 4, EM SÃO PAULO

A Escola Municipal Brigadeiro Eduardo Gomes, de Nova Parnamirim, conquistou o prêmio IPL (Instituto Pró-Livro) – Retratos da Leitura – de melhor biblioteca escolar do Brasil. A premiação aconteceu na noite dessa quarta-feira, 4, em São Paulo. A biblioteca parnamirinense concorreu na categoria que teve o maior número de representantes, foram mais de 100 instituições, entre bibliotecas públicas, comunitárias e escolares, de todo o país. 

O projeto “Protagonismo Literário Dentro e Fora da Escola”, desenvolvido pela Biblioteca que leva o nome do poeta Vinícius de Moraes, da Escola Municipal Brigadeiro Eduardo Gomes, recebeu a premiação das mãos do escritor patrono Pedro Bandeira.  

O prêmio tem como objetivo reconhecer, valorizar e difundir projetos exitosos de fomento à leitura, promovidos por organizações da sociedade civil (OSCs), mídias, empresas da cadeia produtiva do livro e bibliotecas. Com edição anual, o prêmio tem abrangência nacional e na fase final, Parnamirim concorreu com projetos dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná, Ceará, Mato Grosso, Acre e Goiás. 

O PROJETO “PROTAGONISMO LITERÁRIO DENTRO E FORA DA ESCOLA”, DESENVOLVIDO PELA BIBLIOTECA QUE LEVA O NOME DO POETA VINÍCIUS DE MORAES

De acordo com Maria José Pinheiro, professora e mediadora de leitura, a biblioteca da Escola Brigadeiro Eduardo Gomes é cuidada com muito zelo, para que se torne um ambiente agradável para as crianças. Na premiação ela fez questão de lembrar o local. “É um espaço apropriado para a leitura. Nos deixa felizes, ver nossos alunos atraídos por aquele lugar, abrirem os braços e dizer que gostariam de morar lá. Nossa biblioteca tem vida e arte, pulsa literatura”, falou. 

Ainda sobre o Prêmio IPL, Maria José comentou que na premiação não existe 1º, 2º e 3º lugares. São escolhidos três projetos e definidos como os melhores e a biblioteca da Escola Brigadeiro Eduardo Gomes ficou entre os vencedores. Com alegria e gratidão, a mediadora e coordenadora de leitura falou sobre a conquista, e parabenizou Parnamirim, que está entre as cidades que contribuem para a formação de leitores. 

“Concorremos com bibliotecas renomadas e poderosas e ficamos entre as melhores. Apesar da nossa biblioteca ter o trabalho reconhecido, nossa cidade desenvolve um projeto fantástico em todas as bibliotecas escolares do município. Quando a gente percebe uma escola pública, sendo premiada num evento como este, enxergamos que realmente estamos no caminho certo. É uma honra fazer parte dessa história. Viva nossa escola! Viva o projeto Rio de Leitura! Viva Parnamirim!”, disse Maria José. 

O PROJETO “PARNAMIRIM, UM RIO QUE FLUI PARA O MAR DA LEITURA” TEM INCENTIVADO A LEITURA E O DESENVOLVIMENTO DAS BIBLIOTECAS ESCOLARES NO MUNICÍPIO

Realizado pela Prefeitura de Parnamirim, através da Secretaria Municipal de Educação e Cultura (SEMEC), o projeto “Parnamirim, um rio que flui para o mar da leitura“, no qual a biblioteca da Escola Brigadeiro Gomes está inserida, demonstra o quanto a cidade Trampolim da Vitória tem incentivado a leitura e o desenvolvimento das bibliotecas escolares no município. 

Em outras oportunidades, Parnamirim também alcançou prêmios nacionais com o projeto Rio de Leitura. No ano de 2012, ficou entre as dez melhores experiências no tocante à promoção da leitura, no 7º Prêmio VivaLeitura pelo MEC/MinC. Já em 2014, garantiu o título ‘Município Leitor’, do Instituto Natura. Mais uma conquista veio em 2017, quando a cidade ficou entre os melhores do país, de acordo com o Instituto Nacional Pró-Livro (IPL). 

Mais duas conquistas foram alcançadas no ano de 2018, o Rio de Leitura foi reconhecido como o segundo melhor programa de incentivo à leitura junto a crianças e jovens de todo o Brasil, título dado pela Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil. Já na premiação do Retratos da Leitura, do Instituto Pro-Livro, Parnamirim alcançou a primeira colocação como o melhor projeto na categoria redes de bibliotecas. 


2 Comentários

Deixe um Comentário