Brasil

Dez ficam feridos em queda de avião nos arredores de aeroporto em Manaus

MONOMOTOR MODELO CARAVAN CAIU NAS PROXIMIDADES DO AEROPORTO EDUARDO GOMES. FOTO: FLICKR/PAC/DIVULGAÇÃO

Dez pessoas ficaram feridas após a queda de avião monomotor modelo Caravan, em Manaus, por volta de 12h30 dessa segunda-feira, 16. O acidente ocorreu nas proximidades do Aeroporto Eduardo Gomes, a poucos metros do terreno da Infraero. Com fraturas e traumas, as vítimas foram encaminhadas para hospitais da capital amazonense.

Entre as vítimas estavam dois funcionários do governo do Amazonas: Vanna Agostinho da Mota, de 33 anos, e Francisco Pereira de Souza, de 40, representantes das secretarias de Assistência Social e do Trabalho, respectivamente. Elas estavam a caminho do município de Maués (a 276 quilômetros a leste de Manaus) para visitar o Conselho de Assistência Social da cidade.

Eles estão no Hospital e Pronto-Socorro Platão Araújo, onde chegaram com quadro clínico inicial de fratura. Também foram levados para o mesmo hospital Maria Cristina Magalhães, de 51 anos, com suspeita de trauma no tórax e na bacia; e Antônio José Maciel de Oliveira, de 60, com contusão na perna esquerda. Todos os atendidos no Platão Araújo continuam em avaliações médicas mais aprofundadas.

No Hospital 28 de Agosto estão sendo atendidos Dilson Marcos Kovalski, de 56 anos, com queimaduras e fratura, e Dilvete Nunes Magalhães, de 45, com fratura na perna. Ricardo Lorentino Koba, de 35, que também foi atendido no 28 de Agosto, apresentou dores na coluna e tornozelo e já teve alta. No Hospital João Lúcio, está em atendimento o piloto da aeronave, Marcos Antônio Mousardo, com fratura na perna, e Dario Teixeira, de 35 anos (em avaliação).

Veja



Deixe um Comentário