Política

Deputados fazem boletim de ocorrência contra Cid Gomes por tentativa de homicídio

EM VÍDEO DIVULGADO NO SEU FACEBOOK NA NOITE DESTA QUARTA, WAGNER AFIRMA QUE O SENADOR “ATENTOU CONTRA A VIDA DE VÁRIOS POLICIAIS MILITARES”. FOTO: DIVULGAÇÃO/FACEBOOK

Três deputados fizeram um boletim de ocorrência contra o senador Cid Gomes (PDT-CE) por possível tentativa de homicídio de policiais militares e danos ao patrimônio público. O documento foi registrado na 34ª Delegacia de Polícia do Ceará e é capitaneado pelo deputado federal capitão Wagner (Pros-CE), adversário político dos Ferreira Gomes no estado.

Na tarde de ontem, Cid Gomes foi baleado ao avançar com uma retroescavadeira sobre um piquete feito por policias militares em greve. Em vídeos que mostram o momento dos disparos, Cid dirige a retroescavadeira em direção quartel onde estão os PMs e arranca o portão de entrada com a pá do trator.

Em vídeo divulgado no seu Facebook na noite desta quarta, Wagner afirma que o senador “atentou contra a vida de vários policiais militares”. Ele está acompanhado dos deputados major Fabiana (PSL-RJ) e capitão Alberto Neto (Republicanos-AM), ambos ligados à área da Segurança Pública.

“Quem o senhor pensa que o senhor é? O senhor acha que o policial não é um ser humano? Usar um trator para passar por cima dos policiais… Sinceramente uma atitude altamente reprovada, repugnante e o senhor vai responder por isso”, disse Neto.

“Não aconteceu uma tragédia maior não foi porque você quis não, porque o que você queria era causar a morte de policias militares e seus familiares, que tanto sofrem com a falta de condições de trabalho”, completou Fabiana.

Congresso em Foco



Deixe um Comentário