Política

Deputado Tomba Farias alerta sobre aumento da criminalidade durante o isolamento social e pede índices oficiais ao governo

FOTO: REPRODUÇÃO

O deputado estadual Tomba Farias (PSDB) está solicitando a governadora Fátima Bezerra (PT) informações oficiais sobre quais são os índices de mortes violentas registradas nos primeiros meses do ano de 2020, especialmente durante o período em que foi decretado o isolamento social em virtude da pandemia do COVID-19.

Destacando que a imprensa vem noticiando com intensidade notícias sobre a elevação de crimes violentos em todo o Estado, Tomba pede que o governo explique que medidas estão sendo adotadas para enfrentar a criminalidade. “É  preciso que a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social diga quais são as estratégias e ações efetivas que o Estado está desenvolvendo para combater a violência e a criminalidade, especialmente os latrocínios, homic­ídios e a violência doméstica”, explica o parlamentar. 

Na opinião do deputado municipalista, nota-se através da imprensa que  há um significativo aumento dos índices de criminalidade, nos primeiros meses de 2020. “Entretanto, o que chama a atenção é o fato de estarmos vivenciando um per­íodo atípico, ou seja, de isolamento social. O que se esperava – e nao ocorreu – era a diminuição da criminalidade, diante da redução expressiva de movimentação nas ruas e em locais que, normalmente, concentrava grande quantidade de pessoas como, bares, restaurantes, shows, casas noturnas, entre outros”, enfatizou. 

Tomba Farias destaca ainda que uma reportagem do portal  G1 RN, veiculada no último mês de março, informou que o Rio Grande do Norte registrou um aumento de 333% no número de latroc­nios (morte de ví­timas durante assaltos) em fevereiro de 2020, quando comparado com o mesmo mês em 2019. A mesma reportagem alertou, lembra o deputado,  a ocorrência de um crescimento de 40% no número de mortes violentas em geral no mesmo período.

Tomba destaca que os relatos sobre aumento da criminalidade são rotineiros na imprensa potiguar. ” O jornal “Tribuna do Norte”, na edição de 30 de abril de 2020,  trouxe uma reportagem que enfatizava o aumento do número de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs), em 28%, com relação ao mesmo per­odo do ano passado”, disse. 

Segundo ele, a mesma matéria mostrava também que no início da quarentena e do isolamento social, chamou a atenção da opinião pública o crescimento da morte de mulheres, além da elevação nos registros de denúncias de violência doméstica. 

“Tais reportagens relatam o aumento alarmante da criminalidade no Estado do Rio Grande do Norte, especialmente neste período de isolamento social em virtude da pandemia do COVID- 19”, finaliza.  


Comente aqui