Brasil

Datena é condenado a pagar indenização após chamar Xuxa de ‘garota de programa’

O JORNALISTA FOI CONDENADO A PAGAR UMA INDENIZAÇÃO EQUIVALENTE A R$ 20 MIL EM CADEIRA DE RODAS PARA UMA INSTITUIÇÃO DE CARIDADE. FOTO: REPRODUÇÃO

O desentendimento entre José Luiz DatenaXuxa Meneghel ganhou um novo capítulo. De acordo com o F5, da Folha de S. Paulo, o jornalista da Band foi condenado a pagar uma indenização equivalente a R$ 20 mil em cadeira de rodas para uma instituição de caridade. Isso porque ele ofendeu a apresentadora durante uma discussão que aconteceu em 2017.

Xuxa resolveu tomar uma atitude após ser chamada de “garota de programa infantil” por Datena. Na época, a rainha dos baixinhos moveu uma queixa-crime e a Justiça acabou condenando o jornalista. Ao F5, o advogado de Datena, Fábio Mariz, disse que o caso está resolvido e que 10 cadeiras de rodas já foram doadas para instituições em dezembro de 2019.

A sugestão da pena foi dada pelo Ministério Público e o apresentador do “Brasil Urgente” acatou. No decorrer do processo, Xuxa não compareceu a nenhuma audiência e sempre era representada por um advogado. Fábio ressaltou que seu cliente não tinha a intenção de ofender a honra da apresentadora e só queria defender seu filho durante a discussão.

Caso não se lembre, em 2017, Joel Datena, filho do jornalista, declarou que não concordava com a Lei da Palmada, que pune os pais que batem nos filhos, e Xuxa, grande defensora da causa, rebateu dizendo que era uma lei válida. Foi então que Datena entrou na discussão e disse que quem tinha que apanhar era o filho por ter acompanhado quando criança “aquela garota de programa infantil que cresceu e continua infantil”.

O Dia



Comente aqui