Política

Controlador Geral do RN nega irregularidades na contratação de ambulâncias

FOTO: DIVULGAÇÃO

O Controlador Geral do Estado do Estado, Pedro Lopes, negou que a contratação de ambulâncias pelo Governo do RN tenha qualquer irregularidade. Em entrevista ao 12 em Ponto 98 desta sexta-feira (7), ele informou que a denuncia de superfaturamento não tinha procedência.

“Não procede essa informação do superfaturamento. O preço praticado está de acordo com o mercado. É bom salientar que este contrato de R$ 2,5 milhões é pago por requisição de ambulâncias. Não é um carro, está se contratando uma ambulância com todos os equipamentos de UTI e com todos os profissionais. É um pacote completo.”

Sobre uma contratação parecida em Roraima, por um preço bem menor, o controlador-geral afirmou:

“Temos uma contratação que é um pouco mais barata e aconteceu em Roraima, mas cada Estado tem a sua realidade, os seus próprios preços, né? Então, você não pode comparar a realidade do Rio Grande do Norte com a realidade de outro Estado.”

Nesta semana, o deputado estadual Gustavo Carvalho (PSDB) afirmou que encontrou possíveis irregularidades em uma contrato do Estado com uma empresa que estaria alugando ambulâncias para o serviço público. Até então, o Governo do Estado não tinha dado nenhuma explicação sobre o assunto.

98FM


Comente aqui