Política

Cerca de 350 mil títulos foram cancelados no Rio Grande do Norte

O ELEITOR COM TÍTULO CANCELADO PODE BUSCAR A  JUSTIÇA ELEITORAL PARA REGULARIZAR A SITUAÇÃO ATÉ O DIA 6 DE MAIO. FOTO: ILUSTRAÇÃO/G1

Dados do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) mostram que 349.765 títulos de eleitor estão cancelados no Estado. Esse número corresponde a  14,5% de todo o contingente eleitoral em todos os 167 municípios potiguares, que é de 2.408.947 de eleitores, segundo dados estatísticos de janeiro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Entre os motivos para esses cancelamentos, estão falecimento, sentença judicial e a ausência não justificada nas últimas três eleições.

A situação eleitoral irregular impossibilita o voto em eleições futuras, participação em concursos públicos, ingresso em universidades públicas e obtenção do passaporte ou carteira de identidade. No entanto, o eleitor com título cancelado pode buscar a  Justiça Eleitoral para regularizar a situação até o dia 6 de maio.

Tribuna do Norte


Deixe um Comentário