Brasil

Caso Neymar: Najila Trindade entregou aparelho celular ‘errado’ à polícia

Modelo deixou com as autoridades um smartphone com poucas semanas de uso e pobre histórico de troca de mensagens. Foto: Record

A modelo Najila Trindade acusa Neymar de estupro e agressão na cidade de Paris, capital da França, no último mês de maio. O processo está em andamento e, a cada dia, um novo capítulo é escrito.

Após um mandado de busca e apreensão ter exigido a entrega de seu telefone celular, Najila apareceu de surpresa na última terça-feira na 6ª Delegacia da Mulher de São Paulo.

Mas, segundo informações da revista “Veja”, a modelo não entregou o aparelho que levou a Paris e que usava para se comunicar com Neymar . Ela deixou com as autoridades um smartphone com poucas semanas de uso, pobre histórico de troca de mensagens e poucos arquivos armazenados.

De acordo com a versão da suposta vítima, o seu celular antigo sumiu no dia em que ela prestou o segundo depoimento na Delegacia da Mulher – neste dia, inclusive, ela teve que ser carregada pelo seu ex-advogado até um hospital depois de passar mal.

A modelo informou que existe um segundo vídeo com imagens da relação dela com Neymar, na França, mas que essa mídia estava em um tablet que acabou sendo furtado de seu apartamento.

Najila sugere indiretamente que o sumiço do seu aparelho celular original, o que ela havia levado para França, seria culpa do seu antigo advogado, que deixou o caso na semana passada.

O Dia


Deixe um Comentário