Variedades

Bebê que nasceu pouco antes da vitória do Flamengo recebe nome em homenagem a Gabigol

PAI E MÃE RUBRO-NEGROS RESOLVERAM HOMENAGEAR O “SALVADOR” DO TÍTULO DANDO O NOME DE GABRIEL AO FILHO. FOTO: DANIEL CASTELO BRANCO

A vitória épica do Flamengo no bicampeonato da Libertadores não ficará marcada somente na história: um bebê, nascido no dia da partida da final, recebeu o nome do salvador rubro-negro, Gabriel. “Ele iria se chamar Miguel, mas após o jogo resolvemos mudar o nome em homenagem ao Gabigol“, contou a mãe, Pâmela Marques, de 35 anos, que assim como o pai da criança é rubro-negra.

Ela assistiu ao jogo entre Flamengo e River Plate já com Gabriel Marques Pires em seus braços, no Hospital Maternidade Maria Amélia Buarque de Hollanda, no centro do Rio. Horas antes tinha passado por uma cesariana.

O pai, Luciano Pires, 45 anos, gerente operacional, falou a respeito do sentimento que está vivendo. “Tenho outros dois filhos, Rafael e Daniel, que são flamenguistas e têm o Gabigol como ídolo. Quando o Flamengo ganhou o primeiro mundial eu tinha sete anos. Agora, com 45 anos, sou pai novamente e no mesmo dia de mais uma Libertadores. Estou muito feliz“, contou.

Gabriel nasceu com 3,410 kg, 50 centímetros e recebeu alta ontem com a mãe para a sua casa, no bairro Jardim América, Zona Norte, em clima de festa: nas ruas do centro do Rio os torcedores do Flamengo prestigiavam o desfile do time com a taça.

Meia Hora


Deixe um Comentário