Cidades

Base da Guarda no Alecrim completa 2 meses melhorando segurança no bairro

FOTO: DIVULGAÇÃO

A Base Regional da Guarda Municipal do Natal (GMN), instalada no bairro do Alecrim, completa hoje (20) dois meses de funcionamento dando uma nova realidade à segurança pública da área do maior comércio popular de Natal. Com o efetivo de guardas lotados no Grupamento de Ação Patrimonial (Gapa), a Base se mantém aberta 24h todos os dias da semana atendendo, apoiando e zelando pela segurança do cidadão.

Após dois meses de funcionamento da Base, já é possível verificar que toda a área da Praça Gentil Ferreira foi devolvida à população, que hoje utiliza o espaço para lazer, prática de esporte, bate-papo e passeio familiar, sempre com a vigilância dos guardas municipais que com a presença ostensiva tornou o local seguro em todas as horas do dia.

Principalmente durante o período da noite, o que antes era tomado pela escuridão e prática de delitos, a exemplo de roubos, hoje se mostra com uma nova realidade onde a segurança pública cumpre o seu papel de garantir o direito do cidadão. “Nesses dois meses da presença firme e vigilante da Guarda no Alecrim, podemos dizer que estamos contribuindo para uma nova realidade, onde a segurança pública de aproximação com a comunidade age transformando o espaço público num local sadio e seguro”, comentou a secretária de Segurança Pública e Defesa Social de Natal (Semdes), Mônica Santos.

Um ponto relevante é declarado pelas pessoas que frequentam as celebrações na Igreja Central da Assembleia de Deus, um dos templos de destaque da capital, é que a presença do guardas durante a noite deu mais segurança e passou a inibir a prática de delitos levando proteção às famílias que participam das atividades religiosas no local.  

De acordo com a coordenação do Grupamento de Ação Patrimonial da GMN, durante esse período os guardas estão agindo no patrulhamento do comércio, feira livre, praças e maiores paradas de transporte coletivo do Alecrim. A ação já é responsável por prisões de suspeitos de crimes, recuperação de material roubado, entre outros.


Comente aqui