Mundo

Ataque a faca deixa cinco feridos durante protesto em Hong Kong

ATIVISTA PRÓ-DEMOCRACIA TEVE PARTE DA ORELHA ARRANCADA EM INCIDENTE, OCORRIDO EM SHOPPING EM BAIRRO DE CLASSE MÉDIA. FOTO: REUTERS

Um ataque a faca deixou seis feridos na noite deste domingo em Hong Kong, entre eles um ativista pró-democracia, que teve parte da orelha arrancada, em um novo dia de protestos com incidentes entre manifestantes e forças de segurança.

O tumulto começou em frente a um shopping localizado no bairro de classe média de Tai Koo Shing, onde manifestantes pró-democracia se concentraram durante parte do dia.

Imagens de TV mostraram Andrew Chiu com uma das orelhas quase totalmente ferida. Um segundo homem estava caído, inconsciente, sobre uma grande mancha de sangue, enquanto outras pessoas tentavam socorrê-lo.

A multidão afastou e espancou um homem acusado de ser o agressor, segundo as imagens do canal RTHK, que informou que o homem falava mandarim (idioma predominante na China continental) e sacou a faca após uma discussão acalorada com manifestantes.

Há cinco meses, manifestantes realizam protestos quase diários e cada vez mais violentos em Hong Kong, contra a crescente interferência de Pequim nos assuntos do território semiautônomo, e exigem reformas democráticas.

No total, quatro homens e duas mulheres ficaram feridos hoje, e três pessoas foram detidas, informou a polícia. Concentrações não autorizadas ocorreram em vários pontos da ex-colônia britânica, e resultaram em confrontos com o batalhão de choque.

Veja


Deixe um Comentário