Cidades

Álvaro Dias discute projeto de criação do primeiro museu a céu aberto do RN

FOTO: ALEX RÉGIS

O projeto do primeiro Museu de Artes e Esculturas a céu aberto do Rio Grande do Norte está bem encaminhado e prestes a sair do papel sob a coordenação da gestão municipal. Nesta quarta-feira (21), o prefeito de Natal, Álvaro Dias, se reuniu com os técnicos das secretarias envolvidas na iniciativa para discutir detalhes e prazos para a concretização da ação. O museu será instalado na Praça Augusto Severo, na Ribeira, funcionando como extensão do Museu da Cultura Popular, ampliando o seu poder de acesso do público à arte.

O projeto vai contar com 14 esculturas fixas e 14 painéis para exposição de artes visuais temporárias. Essas esculturas irão retratar personagens da cultura popular do Rio Grande do Norte como Chico Santeiro, Dona Militana, Chico Daniel, Cornélio Campina, dentre outros. Além disso, o projeto prevê, mantendo o uso que atualmente já se pratica na área central da praça. A proposta é estimular que haja intervenções diversas temporárias nesta área, fomentando cultura, lazer e arte no Centro Histórico.

Também acontecerão pequenas intervenções no edifício do Museu Djalma Maranhão, com a execução do reordenamento estético da fachada. Outra ideia é requalificar a gestão do uso do espaço térreo do prédio para alinhar-se ao Museu a céu aberto.

Álvaro Dias mostrou empolgação com o projeto e disse que essa é mais uma iniciativa implementada pela Prefeitura, seguindo aquela premissa de priorizar os espaços urbanos para as pessoas, ampliando as áreas de convivência e os espaços públicos de lazer. O prefeito também ressaltou que a criação do Museu é mais um passo dado em busca da revitalização da Ribeira.

“Vamos continuar executando a nossa política pública de transformar Natal em uma cidade cada vez mais voltada para as pessoas. O Museu de Artes e Esculturas a Céu Aberto vai agregar muito ao bairro da Ribeira que já tem essa vocação própria para a cultura. Precisamos valorizar o que é nosso, reverenciar quem fez muito pela cultura potiguar, bem como abrir espaço para divulgação do trabalho dos nossos artistas. Temos muitos talentos espalhados por aí. É mais uma iniciativa da gestão que amplia, democratiza e universaliza o acesso à cultura que é um bem tão essencial para qualquer sociedade. Hoje demos mais um passo rumo à concretização desse sonho. Vamos seguir debatendo, ouvindo mais propostas e sugestões para oferecer aos natalenses e turistas um equipamento de alta qualidade”, disse o prefeito.

O projeto do Museu de Artes e Esculturas a Céu Aberto é uma idealização da gestão municipal e conta com a colaboração de técnicos das secretarias municipais de Governo (SMG); Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb); Funcarte; Cultura (Secult); Mobilidade Urbana (STTU); Serviços Urbanos (Semsur); Planejamento (Sempla); Obras Públicas e Infraestrutura (Semov).



Comente aqui