Educação

Álvaro Dias destaca contribuição com o futuro de Natal durante inauguração de CMEI

Cercada de emoção, pela homenagem a uma educadora que marcou muito os educadores de Natal, e também pelo significado da prioridade de investimento que está sendo dada à rede municipal de ensino, o prefeito de Natal, Álvaro Dias, e a secretária municipal de Educação, professora Cristina Diniz, inauguraram, nessa terça-feira (18), mais uma sede própria de Centro Municipal de Educação Infantil: o Terezinha de Jesus Souza Lima, que passou a funcionar desde o dia 27 de maio na Rua Ubaituba, s/n, Conjunto Santarém, Bairro Potengi, zona Norte da capital.

“Sinto alegria dobrada, porque sei a importância que tem a escola para o futuro do nosso país. Não teremos futuro melhor, se não investirmos pesado na educação. Por isso, sinto ainda mais felicidade numa inauguração dessa, por saber que estamos dando nossa contribuição para a cidade de Natal. Estamos entregando escolas de alto nível, em estrutura e equipe pedagógica, que não devem em nada a nenhuma da rede privada de ensino de Natal. São unidades de ensino bem equipadas e estruturadas e que vão dar condições às crianças que aqui estudam de um futuro promissor”, ressalvou.

Palavras essas que foram reforçadas pela titular da SME. “Estamos entregando um equipamento de primeiro mundo. É uma felicidade muito grande para todos nós, porque sabemos da importância do trabalho com a primeira infância para uma sociedade. Tudo que se faz do zero ao seis anos traz resultado muito positivos lá na frente. Por isso, é importante estimular, nas crianças, um trabalho cognitivo, social, emocional, que vai refletir nos adultos que serão. Ao prefeito Álvaro Dias, nosso agradecimento por estarmos recebendo essa maravilha. Muito mais importante que o espaço, é atender a comunidade com dignidade, para que essas crianças possam se tornar cidadãos dignos e transformadores de um mundo melhor. Desejo que esse espaço traga muita felicidade para todos que aqui frequentam”, discursou Cristina.

NOVO PRÉDIO

Com uma estrutura física moderna e de qualidade, espaços amplos, mobiliários e materiais pedagógicos preparados para atender às necessidades da primeira infância, a unidade de ensino possuía 199 crianças matriculadas em 2018, quando as crianças eram atendidas em um imóvel alugado. E, no ano letivo 2019, tem 405 crianças matriculadas. Porém, com a entrega do prédio novo, tem capacidade de atendimento para até 462 crianças, mais que o dobro da anterior. Funcionando com turmas dos níveis I ao IV da Educação Infantil, em horário parcial das 7h às 11h e das 13h às 17h, as aulas já começaram no dia 27 de maio.

A obra foi executada pela empresa Arko Engenharia, com recursos federais e contrapartida do município, com investimentos de mais de dois milhões de reais. O novo prédio, com padrão Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e obra do Proinfância Tipo 1, também teve toda a parte de acessibilidade construída. A nova estrutura física do CMEI conta com dez salas de aula, hall, secretaria, sala dos professores, direção, almoxarifado, sala multiuso, lactário, fraldários, espaço de amamentação, solários, refeitório, cozinha, despensa, copa funcionários, varanda de serviço, pátio de serviço, central de gás, depósito de lixo orgânico e reciclável, lavanderia, rouparia, depósito de material de limpeza e pátio coberto.

Também foram construídos banheiros infantis e adultos: masculinos e femininos e vestiários, banheiros adaptados para pessoas com deficiência ou pouca mobilidade e sanitários para portadores de necessidades especiais infantil. Na área externa, estão: o playground, jardins, castelo d’água, área de estacionamento e uma guarita. Esse CMEI atende crianças dos dois aos cinco anos e 11 meses e conta com 13 educadores infantis, 13 estagiários, duas coordenadoras pedagógicas, cinco auxiliares de serviços gerais, dois assistentes de secretariado, duas merendeiras, duas auxiliares de cozinha, quatro porteiros diurnos e quatro porteiros noturnos. A unidade é administrada pelas professoras Viviane Aparecida Lima Souza (gestora administrativa) e Maria da Conceição da Silva Costa Borges (gestora pedagógica).

BIOGRAFIA DA PATRONESSE

Terezinha de Jesus Souza de Lima, nascida em 01 de setembro de 1963, é natural de Natal/RN e filha de Severino Camilo de Lima e Iraci Souza de Lima. Residia na Rua Tajaraçu, 172, no bairro de Lagoa Azul, Natal/RN. Em 27 de dezembro de 1990 concluiu o Magistério no Colégio Estadual do Atheneu Norteriograndense, adquirindo o título de professora do ensino do 1º grau – 1ª a 4ª série. No ano de 2005 começou o curso de Pedagogia do Instituto Kennedy. Atuava em sala de aula desde 01 de novembro de 1989. Em 2005, atuou no Centro Infantil Pajuçara II, no Jardim I da Educação Infantil e em 2006 esteve no Jardim II. Atuou na educação por quase 23 anos.

Por uma coincidência trágica, no ano de criação da Lei Maria da Penha, de 7 de agosto de 2006, é o mesmo que encerra a carreira profissional da professora, aos 42 anos. Na madrugada do dia 15 de agosto de 2006, Terezinha de Jesus foi assassinada pelo companheiro Francisco Canindé de Araújo, com golpes de tijolada. A professora, que dedicava a sua vida aos alunos e aos estudos, deixou órfãos seus dois filhos Tatiane Souza de Lima e Francisco Canindé de Araújo Júnior.


Deixe um Comentário