Esporte

Advogado potiguar viaja o mundo como árbitro de ginástica

LEONARDO PALITOT FOI O ÚNICO ÁRBITRO BRASILEIRO DE GR NO PAN DE LIMA. FOTO: DIVULGAÇÃO

A história do árbitro potiguar que hoje viaja o mundo com a seleção brasileira de Ginástica Rítmica começou de forma muito despretensiosa. O advogado Leonardo Palitot, que recentemente foi o único árbitro brasileiro a arbitrar os Jogos Pan-Americanos de Lima-Peru e que atualmente é o Coordenador Adjunto do Comitê Técnico da modalidade, junto à Confederação Brasileira de Ginástica, iniciou sua paixão pela Ginástica ainda nos tempos de escola, quando acompanhava os treinos da irmã.

Ele precisa fazer uma “verdadeira ginástica”, com perdão do trocadilho, para conciliar a intensa agenda de advogado, sua atividade principal, e o trabalho como árbitro nos campeonatos mundo afora. Leonardo só pode se dedicar ao esporte quando não há conflito com a advocacia. Sorte que a maioria deles cai no fim de semana e, assim, consegue dar conta de três paixões: a terceira é viajar!

“Ainda que nunca tenha sido o meu objetivo principal e que jamais tivesse me passado pela cabeça ser árbitro para poder viajar, em consequência da necessidade da missão, tive de passar a voar bastante. Sou agraciado com a fantástica oportunidade de conhecer outros lugares, outras pessoas e outras culturas”, explica.

Por causa da ginástica, Leonardo já este nos seguintes países: Equador, Bulgária, Itália, Azerbaijão, Estados Unidos, Colômbia, Israel, Espanha, Peru, sem falar da infinidade de viagens dentro do Brasil.

Com informações do site Agora eu Voo


Deixe um Comentário