Segurança

Robinson Faria vai solicitar mais tempo de permanência das tropas militares no RN

 "TUDO DEPENDE DO RESULTADO DA OPERAÇÃO POTIGUAR E NOVO PLANEJAMENTO", DIZ MINISTRO DA DEFESA. (FOTO: SÉRGIO COSTA)“TUDO DEPENDE DO RESULTADO DA OPERAÇÃO POTIGUAR E NOVO PLANEJAMENTO”, DIZ MINISTRO DA DEFESA. (FOTO: SÉRGIO COSTA)

O governador do Estado do Rio Grande do Norte Robinson Faria vai protocolar a solicitação para mais tempo de permanência das tropas militares no Estado durante a operação Potiguar. O aditamento foi anunciado durante a coletiva de imprensa na abertura oficial dos trabalhos de combate aos ataques.

Robinson declarou que deverá concluir a instalação de outros bloqueadores nos presídios do Rio Grande do Norte em um prazo de 90 dias e que que a presença das forças do Exército e Marinha traria mais segurança e proteção a integridade do projeto.

“Nós não iremos nos render ao crime e por isso já determinei a instalação de bloqueadores em todos os presídios do Estado. A presença das tropas mitares é de grande valia para o andamento do projeto, tanto que já vou pedir oficialmente ao ministério da defesa mais tempo de permanência do Exército e Marinha”, disse.

Mesmo antes de concluir o discurso o governador foi alertado pelo ministro da defesa Raul Jungmann que o aditamento para um novo prazo de permanência das tropas será resultado de um planejamento junto as forças e do andamento da operação. A data prevista para o retorno das tropas é 16 de Agosto.


Deixe um Comentário