Saúde

RN tem 81 casos de microcefalia confirmados e aumento de 10 casos suspeitos na última semana

(FONTE: MINISTÉRIO DA SAÚDE)

(FONTE: MINISTÉRIO DA SAÚDE)

O mais novo Boletim Epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), dá conta que o Rio Grande do Norte registra, no momento, 393 casos suspeitos de microcefalia relacionados às infecções congênitas. Os dados foram divulgados pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS/RN) e representam 10 casos suspeitos a mais do que na semana anterior.

Desse total, 307 são de nascimentos ocorridos em 2015, 75 são de nascimentos ocorridos até a semana epidemiológica (SE) 10, encerrada dia 12/3, 2 foram abortos, 8 intraútero e 1 em 2014. Os casos notificados estão distribuídos em 78 municípios do estado.

Do total, 277 estão sob investigação, 81 foram confirmados por exame de imagem com presença de alterações típicas indicativas de infecção congênita ou por critérios clínico-laboratorial e com a identificação do vírus Zika, e 35 foram descartados. Os casos são descartados por apresentar exames normais, por apresentar microcefalia e/ou malformações congênitas por causas não infecciosas ou por não se enquadrar nas definições de casos.

Do total de casos notificados, 4,2% evoluíram para óbito após o parto ou durante a gestação (abortamento espontâneo ou natimorto). Segundo a classificação, 37,5% permanecem em investigação e 62,5% foram investigados e confirmados.



Deixe um Comentário