Saúde

Projeto de Júlia Arruda que cria a Semana de Atenção ao Lúpus é aprovado pela câmara Municipal de Natal

 

JÚLIA ARRUDA: “O LÚPUS NÃO É CONTAGIOSO E TAMBÉM NÃO É UM TIPO DE CÂNCER, APESAR DE NÃO HAVER CURA”

A Câmara Municipal de Natal aprovou nesta terça-feira, 9,  o Projeto de Lei de autoria da vereadora Júlia Arruda, que cria a Semana Municipal de Atenção à Pessoa com Lúpus. A campanha deve ser realizada anualmente na semana que compreende o 10 de maio. A matéria sera agora encaminhada  para a sansão do prefeito Carlos Eduardo Alves.  Para a vereadora, como o Lúpus ainda é pouco conhecido e cercado de mitos, a informação sobre a doença é muito importante.

“Só através da conscientização da população, dos gestores públicos e profissionais de saúde alcançaremos um melhor entendimento sobre a doença, que possui sinais e sintomas facilmente confundíveis com outras alterações de saúde”, destacou Júlia, que conta com o apoio de médicos, especialistas e ativistas da causa.

O Lúpus está relacionado à predisposição genética, que atinge vários órgãos, incluindo pele, articulações, rins, pulmões e coração, e pode ser desencadeado por fatores hormonais e ambientais, tais como: luz solar, infecções e alguns medicamentos. Além disso, os sintomas desencadeados pela doença podem impedir atividades simples, como a prática de atividades físicas e também a rotina de trabalho.

“O Lúpus não é contagioso e também não é um tipo de câncer. E apesar de não haver cura, é possível controlar e conviver normalmente com a doença, desde que haja assistência, tratamento específico e um acompanhamento médico regular”, explica Júlia.



Deixe um Comentário