Polícia

Policial Militar é morto a tiros em uma barbearia na zona Norte de Natal

O CABO DA PM ESTAVA SAINDO DO SALÃO QUANDO FOI SURPREENDIDO POR DOIS HOMENS QUE ATIRARAM CONTRA ELE. (FOTO: SÉRGIO HENRIQUE SANTOS/INTER TV CABUGI)

Waldembergue Cruz da Lima, de 45 anos, já tinha terminado de cortar o cabelo e estava n a noite de ontem (08), saindo da barbearia, no conjunto Nova Natal, zona Norte de Natal, quando foi cercado por dois homens que chegaram gritando: “perdeu… perdeu”, em seguida, atiraram várias vezes contra o policial, que ainda foi socorrido ao hospital,mas não resistiu aos ferimentos e morreu. O policial foi atingido por quatro tiros.

O cabo foi o 13º policial militar assassinado este ano no Rio Grande do Norte.

A PM informou que nada foi levado do policial. Buscas foram feitas pela região, mas nenhum suspeito foi encontrado. Waldembergue, que era lotado na Força Tatica do 4° Batalhão e estava na corporação desde 1999, deixa esposa e dois filhos.


WALDEMBERGUE CRUZ DE LIMA TINHA 45 ANOSE ESTAVA NA POLÍCIA MILITAR DESDE 1999. (FOTO: ARQUIVO PESSOAL)

 



Deixe um Comentário