Polícia

Polícia ainda não identificou motoqueiros que cometeram dois assassinatos na noite de ontem em Natal

OS ASSASSINATOS FORAM REGISTRADOS PELO CIOSP (CENTRO INTEGRADO DE OPERAÇÕES DE SEGURANÇA PÚBLICA)

OS ASSASSINATOS FORAM REGISTRADOS PELO CIOSP (CENTRO INTEGRADO DE OPERAÇÕES DE SEGURANÇA PÚBLICA)

A polícia ainda não tem pistas sobre quem são os autores dos dois homicídios ocorridos na noite de ontem, em Natal. As vítimas foram surpreendidas por desconhecidos em motocicletas. Os assassinatos foram registrados pelo Ciosp (Centro Integrado de Operações de Segurança Pública).
O primeiro homicídio ocorreu no bairro Nova Descoberta, por volta das 23h, na travessa Auriz Coelho, mais conhecida como “beco dos índios”. De acordo com a polícia, a vítima identificada a como Kleiber Chagas da Silva, de 20 anos, estava conversando com amigos quando foi alvejado no peito e na cabeça por uma dupla em uma moto.
O segundo crime foi registrado minutos depois, na rua Aluísio Alves, no bairro Nordeste. Nailson Dantas Veras, de 22 anos caminhava quando foi baleado na cabeça e no tórax, também por dois motoqueiros, morrendo antes da chegada do socorro.
A equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa esteve nos locais dos assassinatos para o recolhimento de informações e identificação de testemunhas. As motivações para os dois homicídios ainda são desconhecidas (com informações do Portal BO).



Deixe um Comentário