Governo

Pesquisa TN/Consult: avaliação da gestão de Álvaro Dias caminha para superar índices positivos do governo Carlos Eduardo

PREFEITO ÁLVARO DIAS TEM GESTÃO BEM AVALIADA E APROVAÇÃO DO GOVERNO CAMINHA PARA SUPERAR A DO ANTECESSOR CARLOS EDUARDO ALVES

Faltando pouco mais de 15 dias para completar o seu primeiro ano de governo, a gestão do prefeito Álvaro Dias (MDB), nesse curto espaço de tempo, já conta com a aprovação de 57,13% dos natalenses. Nessa pisada, Dias irá superar em pouco tempo os índices ostentados pelo seu antecessor, Carlos Eduardo Alves (PDT), que deixou a Prefeitura de Natal como gestor bem conceituado de uma administração historicamente bem avaliada pela população natalense, com algo em torno de 60% de aprovação.

Álvaro Dias, que logo ao assumir a prefeitura sofreu críticas de formadores de opinião da classe média natalense por ser de Caicó e “não conhecer” Natal, tem atualmente a sua administração bem avaliada justamente em áreas habitadas pela classe média, como as Zonas Leste e Sul, onde, respectivamente, 65,3% e 64,5% da população batem palmas para a sua gestão, de acordo com os números da pesquisa da Consult, divulgada neste final de semana pelo jornal Tribuna do Norte.

Até mesmo na Zona Norte de Natal, habitada por uma significativa parcela da população de baixa renda da capital potiguar e onde as ações de governo chegam com mais lentidão, a aprovação do governo de Dias supera o patamar de 50% de aprovação. “Do outro lado do rio”,  a gestão do prefeito é aprovada por 53,6% das pessoas entrevistadas pela Consult.

No entanto, é exatamente na Zona Norte onde o prefeito enfrenta o maior índice de desaprovação do seu governo –  23,2%.

Se a presença de governo não melhorar na Zona Norte, é provável que a desaprovação de 23,2% cresça e engula aos poucos o percentual de 53,6% da população local que ainda aprova a gestão municipal.

A pesquisa revela ainda um fato curioso: embora a Zona Oeste de Natal seja a região mais deprimida socialmente e economicamente da capital, lá o índice de desaprovação da gestão municipal é de apenas 2,10% – muito baixo diante dos problemas enfrentados pelas comunidades locais.  É na Zona Oeste onde se concentram os bairros de Cidade da Esperança, Quintas, Nordeste, Dix-Sept Rosado, Bom Pastor, Nossa Senhora de Nazaré, Felipe Camarão, Cidade Nova, Guarapes e Planalto.

A pesquisa TN/Consult ouviu 800 pessoas em todas as quatro regiões de Natal, utilizando uma amostragem probabilística casual simples e aleatória pelo critério de sorteios múltiplos aleatórios em quatro estágios – escolha do bairro/localização, escolha da rua, escolha do  domicílio/local e escola do ponto amostral (entrevistado).

Os resultados da pesquisa estão sujeitos a um erro máximo permissível de 3,5%, com confiabilidade de 95%. A estratificação da amostra ocorreu em relação as variáveis de sexo, idade, escolaridade e renda familiar.

A realização da pesquisa em sua etapa de campo ocorreu entre os dias 7 e 11 de março.


Deixe um Comentário